Bebidas no dia do sim

Com tanto para organizar durante o casamento, existem detalhes que por vezes a podem deixar ainda mais preocupada, como é o caso das bebidas, para que isso não aconteça dê uma vista de olhos nas nossas dicas.

Organizar um casamento nem sempre é fácil e por vezes, existem alturas de maior stress quando se trata de acertar os últimos detalhes. No caso das bebidas, este pode ser literalmente um quebra cabeças para os noivos, isto porque é necessário fazer contas sobre a quantidade que deve ser comprada, bem como quais as bebidas que devem estar presentes durante o casamento. O facto do horário é também uma influência na altura de comprar e definir as bebidas, isto porque é necessário ter atenção a que horas vai ser o casamento e onde.

Calcular a quantidade - Um dos problemas que mais assusta os noivos é faltar bebida durante o casamento e por isso, é indispensável ter consigo a lista de convidados nesta altura. Além desta, deve fazer as contas às horas que a festa vai durar e também à variedade de bebidas que quer servir no seu casamento. Normalmente o cálculo de bebidas é efetuado da seguinte forma:

Água - Uma garrafa e meia para cada convidado;

Sumo - Uma garrafa para cada convidado;

Cerveja - Uma lata e meia para cada convidado;

Vinho - Uma garrafa para dez convidados;

Vodka e whisky - Uma garrafa para dez convidados;

Champanhe - Uma garrafa para três convidados.

Fornecedor - Se não pretende que a questão das bebidas seja mais um problema para si, pode sempre optar por contratar uma empresa que lhe forneça as bebidas, mas lembre-se que no caso de sobrarem bebidas fechadas pode sempre combinar com a empresa a sua devolução.

Leia mais: Estes quartos são perfeitos para a sua lua de mel

Comentários