Os aliados do cabelo a ter em conta em qualquer altura

O vento, o calor, o stresse, a água de mar, o cloro das piscinas e a poluição fragilizam os fios. Veja o que procurar no rótulo dos produtos capilares para combater oleosidade, caspa e queda de cabelo

Existem cada vez mais produtos com capacidade de responder aos mais variados problemas que atingem o couro cabeludo, muitos deles provocados pelo stresse, pela poluição, pela água do mar, pelo cloro das piscinas e pelas condições climatéricas, com o vento e o calor na linha da frente. Na hora de escolher os produtos que melhor se adequam ao seu problema tenha em atenção as propriedades que compõe cada champô, loção ou máscara. Veja de seguida os componentes e benefícios dos produtos que fazem bem ao seu cabelo.

Estes são os ingredientes que deve procurar nas fórmulas dos cuidados capilares que usa:

- Coaltar

Tem uma importante ação anti-seborreica, por isso, é recomendado para cabelos oleosos. Também é aliado contra a caspa, pois ajuda a desacelerar a renovação celular.

- Piritionato de zinco, cloreto de banzalcónio, sulfato de selénio, clim bazol e octopirox

Estão presentes nos produtos anticaspa devido às suas virtudes antifúngicas. Para além disso, alguns exercem um efeito regulador sobre a renovação celular.

- Ácido salicílico e ureia

Purificam o couro cabeludo mediante uma ação queratolítica. Desprendem o excesso de células mortas que se associam à caspa, favorecendo o processo natural de esfoliação.

- Minoxidilo e aminexil

Demonstraram a sua eficácia no tratamento da perda capilar por via tópica em casos de calvície incipiente, sobretudo, no topo da cabeça. Nutrem o bolbo piloso e a raiz do cabelo.

- Cetoconazol

Este antifúgico tem um suave efeito anti-seborreico e anti-andrógeno, daí que contribua para eliminar a caspa e a seborreia e aliviar as quedas ocasionais de cabelo. É muito potente e está presente em champôs de venda em farmácia, que devem ser usados apenas algumas vezes por ano.

- Extratos vegetais

A urtiga branca, a bétula e a bardana são conhecidas há muito tempo pelas suas propriedades anti-seborreicas, purificantes e estimulantes.

- Óleos essenciais

São bons anti-sépticos e aliviam as irritações. Os mais conhecidos são os de eucalipto, limão, lavanda e tomilho.

- Proteínas, aminoácidos, vitaminas e açúcares

Estes componentes, que muitas marcas de produtos de higiene capilar já utilizaram há largos anos, revitalizam e reforçam o cabelo, que fica mais denso e resistente.

Texto: Rita Caetano

artigo do parceiro:

Comentários