Ultimato inglês a Sarkozy

A Rainha Isabel II só permitirá que o presidente francês durma com Carla Bruni na mesma cama do castelo de Windsor se eles se casarem.

Diplomatas britânicos citados hoje pelo jornal "The Sunday Times", de

Londres, estão a pedir aos deuses que Nicolas Sarkozy e Carla Bruni se

casem antes da visita oficial do presidente francês à Grã-Bretanha, em

Março próximo.

Ele dizem que só isso poupará à Rainha Isabel II o embaraço de ter de

obrigar os ilustres visitantes a dormirem, enquanto simples namorados,

em quartos separados do Castelo de Windsor.

Os ingleses preferem acreditar que o presidente Sarkozy se casará com a

ex-modelo e cantora italiana antes da visita de Estado à Grã- Bretanha,

mas cautela e caldos de galinha nunca fizeram mal a ninguém e, por

isso, já estão a providenciar igualmente quartos separados para o

casalinho de namorados.

Estes problemas protocolares em torno de Sarkozy não são exclusivo

britânico. Recentemente foi noticiado que os dirigentes da Arábia

Saudita aconselharam Sarkozy a não levar Bruni numa viagem oficial, se

não fossem casados, e a Índia também manifestou reticências à presença

de Carla Bruni na comitiva do presidente francês.

O casamento poria uma pedra em torno de todas estas complicações - e a

cerimónia, porventura discreta ou mesmo secreta, poderá acontecer a

todo o momento.

artigo do parceiro: Top Fama

Comentários