"Tenho zero expectativas. Quero chegar e ver o que acontece"

A nova aventura de Iva Domingues começa hoje e, dias antes de partir, a apresentadora esteve à conversa com o Fama ao Minuto sobre os novos desafios que a esperam.

Chegou o grande dia. É esta terça-feira, dia 8, que Iva Domingues parte para uma nova aventura profissional e pessoal. A apresentadora e a filha, Carolina, de 14 anos, mudam-se hoje para Los Angeles, nos Estados Unidos.

Atrás do sonho da filha, que vai estudar cinema na esperança de um dia ser guionista e contar uma história no grande ecrã, Iva Domingues prepara-se para mudar completamente a sua vida aos 40 anos.

A mãe não deixou a filha ir sozinha neste desafio e fez questão de acompanhá-la, propondo à TVI um trabalho diferente do que fez até aqui, a partir da 'cidade dos anjos'.

Poucos dias antes de seguir viagem, Iva Domingues esteve à conversa com o Fama ao Minuto, mostrando-se muito entusiasmada com a nova fase da vida que se aproxima e explicando detalhadamente o que vai fazer nos próximos tempos.

Começamos pelo tema do momento... A nova vida de Iva Domingues que está prestes a chegar. Como está a ser esta fase de despedidas?

É sempre uma mistura de emoções. Aquela excitação natural e motivação de fazer algo novo e desafiante que toda a gente gosta, mas também aquele realizar que vou ter de me despedir dos amigos, da família. Um aperto no coração, mas é balanceado entre uma coisa e a outra.

Estou estranhamente bastante serena. Estive um ano a digerir tudo isto e a preparar-me

Agora que está a chegar a hora de partir, sente algum receio, algum medo?

De todo. Estou estranhamente bastante serena. Estou a surpreender-me, mas eu acho que sei por que razão estarei assim. Estive um ano a digerir tudo isto e a preparar-me. A partir do momento em que apresentei o projeto, estava preparada para ter uma resposta positiva, que era o que eu queria. A partir daí fui-me preparando.

Já revelou que a principal razão para se mudar para Los Angeles é o facto de a sua filha querer ir para lá estudar cinema. Sente que ela ainda vai brilhar neste meio?

Quero sobretudo que ela seja muito feliz e se cumpra enquanto mulher, ser humano, profissional. Se isso passar pelo cinema, que para já é o que ela quer...

Qual é o maior sonho dela?

Realização. Ela quer um dia poder escrever uma história e contá-la. Quer fazer guião e realização.

E já lhe mostrou algum trabalho nesse sentido?

Ela não mostra. Só consigo ver o que ela escreve nos testes da escola e, de facto, sempre teve um ótimo feedback dos professores. Agora, orgulhosamente, tirou 30 valores em 30 possíveis no exame nacional. Ela escreve mesmo bem, portanto, acredito que está num bom caminho. Tem algum talento e espero que lhe corra bem.

Trabalhar a partir de Los Angeles para a TVI foi uma proposta sua. Qual foi a reação da estação?

Ficaram todos muito agradavelmente surpreendidos. Deram-me a maior força e acharam incrível. Não é habitual aos 40. Aos 30 talvez, aos 20 bastante possível, mas aos 40 não é tão habitual uma mudança tão radical. Mas só acharam que podia ser uma coisa muito boa e deram-me a maior força.

Qual será o seu trabalho a partir de agora? Com o que é que as pessoas podem contar?

Vou trabalhar nas três áeras: no entretenimento, na informação e no digital. No entretenimento estarei semanalmente no ‘Câmara Exclusiva’, como repórter e apresentadora. Estarei na informação no ‘Cinebox’ semanalmente com todas as estreias que houver e entrevistas de elenco nas promoções. Sempre que houver para além de estreias, aí será ou informação ou ‘Câmara Exclusiva’ e, pontualmente, até já tenho um trabalho agendado para a informação TVI24 ou TVI com entrevistas e reportagens para o jornal.

Já começou a preparar algum trabalho?

Já tenho uma encomenda que ainda não posso revelar. Daqui o trabalho que levo já é para a informação.

Tenho zero expectativas. Nem boas, nem más. Quero chegar e ver o que acontece

Veja mais na página seguinte.

Comentários