4 de Março de 2015

6 de Ouros

A mancha escura na luz do sol que cai sobre nós é a sombra criada pelas nossas próprias personalidades. Vivemos para nós mesmos só quando vivemos para os outros. Pode parecer estranho, mas tente, e o constatará por experiência própria. (Tolstoi)

O Tarot pede-lhe que não se centre apenas nas suas dificuldades actuais pois, por vezes, basta dedicarmo-nos a algo diferente para as soluções que procuramos aparecerem. Existe tanta gente à nossa volta a precisar de uma palavra doce ou um carinho…

2 a 8 de Março de 2015

O Mundo

Diz-lhe o Tarot: luta por um bom emprego, luta por um bom relacionamento, luta por uma vida estável, mas, na grande maioria das vezes, esquece-se de lutar por si próprio. Acomoda-se aos mesmos modos de pensar, aos mesmos vícios atribuindo-os ao nosso passado, à conjuntura que vive e nada faz por alterá-los... ou será que faz?

Não admira nada que continuemos sempre a cometer os mesmos erros e a “bater na mesma tecla”. Há quem responda: “Mas eu sempre pensei assim!” e será que isso significa que está correcto?
O Mundo vem dizer-lhe que as suas possibilidades, neste momentos e sempre, são infinitas e só não consegue alterar o que não quiser. Oiça vozes mais experientes, procure pessoas que o/a possam orientar nesta fase da sua vida, mas acima de tudo procure ambientes de paz.

“Sem esqueceres uma justa disciplina, sê benigno para ti mesmo. Não és mais do que uma criatura no universo, mas não és menos que as árvores ou as estrelas: tens direito a estar aqui.” disse alguém tão sabiamente.

Esta é uma carta de grande conforto, de plenitude, de paz. Águas mais calmas se avizinham… desfrute-as.

Saiba qual é o seu signo ascendente

por Paulo Cardoso

Conheça o signo que está posicionado na linha do horizonte no momento do seu nascimento e que influencia a sua individualidade.

Compatibilidade amorosa

por Paulo Cardoso

É compatível com o seu parceiro? Descubra já!