6 de Maio de 2016

Ás de Espadas

A franqueza tem de, nesta fase em especial, estar mais presente na sua vida afectiva. O diálogo pode trazer novas e melhores fases ao seu relacionamento. De nada adianta protelar essas conversas/esclarecimentos e esconder debaixo do tapete as questões que o/a incomodam e corroem os seus sentimentos. Antes que seja tarde, seja corajoso/a!

2 a 8 de Maio de 2016

Pajem de Espadas

Tratar da nossa auto estima não implica diminuirmos os feitos alheios e é por isso que o Pajem de Espadas vem avisar para ter cuidado com as críticas, tanto no trabalho como em casa. Há momentos em que é preferível não tecer qualquer tipo de comentário, mesmo que tenhamos a certeza de que a razão está do nosso lado, pois será a melhor maneira de evitar conflitos desnecessários. Gostamos que respeitem a nossa sensibilidade, então temos que aprender a respeitar a alheia! “Mas eu tinha boa intenção.” Pois… mas de boas intenções está o inferno cheio e entretanto já magoámos quem está à nossa volta. Existem várias formas de ajudar os outros e por vezes a melhor é deixando-os viver, experimentar e por vezes errar, sem terem necessidade de ouvir o famoso “eu disse-te!”

Tem sentido com pouca energia para ir à luta ou combater ataques externos? Então este pajem vem mesmo a calhar pois ele traz consigo bastante energia, que fará com que barreiras se partam e tudo á sua volta comece a mexer. É importante que pondere os caminhos e métodos a utilizar antes de partir para a batalha, tentado assim prever algum revés. Os nossos inimigos só têm o poder que nós lho dermos!

1 a 31 de Maio de 2016

Cavaleiro de Ouros

Avançar numa relação pode ser assustador, porém, todas as relações, a dada altura, têm de ser definidas, verdade? Não que dizer que se tornem sérias no sentido de perder a espontaneidade, mas sim, decidir o que se quer, verdadeiramente. Este mês traz-lhe este desafio: O que quer? Tem a certeza? Então, invista a sério. Não quer? Liberte. Ah, e não deixe que o medo da solidão interfira nas suas decisões, sim?

2016

Os Enamorados

Amar ou não amar, eis o mote deste ano.
Amar quem, o quê, como, até que ponto? Quando estas dúvidas o/a assombrarem, coloque as mãos sobre o seu coração e escute-o. Ele, por norma, fala baixinho e amorosamente, ao contrário da irrequieta mente. Faça silêncio e converse com ele.

Amar sempre, sim, mas talvez haja que aprender a fazê-lo de forma mais madura, mais justa para nós e para os amados. Qualquer relação requer entrega de ambas as partas. Ambos têm de se dar, de nutrir e têm também que saber receber na mesma medida.

Sendo, Os Enamorados, o Arcano da emancipação, quer ele dizer aos filhos de Júpiter que terão de se libertar daquilo que os tem aprisiona. Está a ver o grito do Ipiranga? É isso! O que é que o/a torna inferior ao que é a sua essência? O que lhe tira o brilho? Após fazer este exame de consciência, é tempo de avançar para… Si. É tempo de se encontrar consigo, com a sua alma, com as suas verdades, sonhos, ambições e missão. É tão importante discernir esta última: Qual é a minha missão? O que me trouxe à Terra? Também podemos investigar o que já aprendemos e melhorámos em nós. Afinal, aperfeiçoarmo-nos é o nosso principal objectivo de vida, verdade?

Também, este ano, as escolhas serão colocadas em cima da mesa, serão até fundamentais. Estas podem acontecer a vários níveis de vida. Seja na área profissional ou pessoal, escolha com o coração; sinta qual dos caminhos lhe daria mais prazer, mais conforto, é esse o Caminho.

Saiba qual é o seu signo ascendente

por Paulo Cardoso

Conheça o signo que está posicionado na linha do horizonte no momento do seu nascimento e que influencia a sua individualidade.

Compatibilidade amorosa

por Paulo Cardoso

É compatível com o seu parceiro? Descubra já!