Carneiro 2015

Miguel de Sousa apresenta as suas Previsões Anuais

Carneiro

AMOR

O ano começa bem para todos os novos casais, pois é um mês propício aos projectos de vida em comum e futuros matrimónio. Sentirá compreensão da outra parte e que as suas opiniões são partilhadas e recíprocas. É de prever um bom entendimento, conseguindo dessa forma elaborar projectos sólidos. Os nativos do segundo decanato que vivam situações de solidão, podem este mês vislumbrar uma luz ao fundo do túnel na sua existência amorosa. Nada decorre pela força do acaso, é necessário saber conquistar, trabalhando arduamente a sua timidez e a sua dificuldade de expressar aquilo que lhe vai na alma.

Em Fevereiro não conseguirá gerir as suas emoções mais primárias e estará a deitar a perder muito dos benefícios que uma relação amorosa traz a um casal. Sentirá como que um sentimento de desespero que não tem qualquer razão de existir o que só fará com que os outros à sua volta se desesperem também e não tenham paciência para o ouvir. Liberte-se de todas as preocupações com um futuro mais longínquo. Se está a iniciar um relacionamento, para quê ter crises de ciúmes, atrapalhar tudo, criar dificuldades, sobretudo porque vão contra aquilo que não gosta, que é sentir solidão. São de prever problemas de comunicação entre o casal. Embora Março seja o mês de encontros e convívio, as atenções têm tendência a recair nos outros e fazê-lo sentir alguma falta de mimo. Não seja criança pois não é pelo seu parceiro ou parceira dar atenção a uma terceira pessoa numa conversa que não está consigo no seu coração. Amadureça, o convívio social faz parte do ser humano. É essencial saber dar um pouco de liberdade para que o ser que ama se possa sentir mais feliz.

O mês de Abril traz algumas dúvidas na aproximação da pessoa amada. Não se iluda nem confunda sentimentos pois pode cometer erros de discernimento e estragar uma boa amizade estando induzido em erro. Não confunda um diálogo com uma pessoa que é afável, que sabe escutar e que lhe dá alguma atenção, com sentimentos amorosos. Avalie bem todas as situações antes de partir para conversas e diálogos mais propícios para conquista que propriamente para amizade, em suma não se precipite. Mês ainda propício ao bom ambiente familiar. A tendência é para um favorecimento na comunicação entre pais e filhos e a predisposição para actividades em conjunto, preconizando assim uma aproximação maior de toda a família. No entanto sentirá um forte apelo para a vida social e para as saídas com amigos, tendo também vontade de algumas saídas a dois. Temos assim um Abril muito harmonioso no seu conjunto em termos familiares.

A Primavera traz a alguns nativos a possibilidade de tomada de importantes decisões, tal como um compromisso de vida conjugal. Para esses é um mês forte de emoções e até de reestruturação da sua vida pessoal. Muitos darão aqui a palavra “Sim” para uma relação sólida e duradoura. Esse espírito e esses momentos devem ser vividos intensamente. Se está incluído no grupo de nativos que assume uma reestruturação na sua vida sentimental, início de namoro ou de um novo conhecimento, desfrute de forma intensa desses momentos únicos de início de uma relação. Da paixão há que evoluir para o amor e posteriormente para uma amizade profunda e respeito mútuos, para que a vida seja recompensadora e de intensa partilha. Também os casais em litígio poderão ter a oportunidade de dialogar e chegar a bons pontos de entendimento sobre o que cada um quer para si próprio. Maio é pois um mês de decisões sábias neste campo.

Porém alguns do nativos não vão conseguir superar os litígios existentes e terão em Junho o mês em que vão procurar ajuda jurídica, no sentido de obter acordos positivos numa separação e nos direitos de guarda de crianças. No entanto a tendência da Primavera é para a união, formalização de pedidos de casamento, namoro ou uma vida em comum.

O Verão traz-lhe sentimentos dúbios e uma vida sentimental oscilante. Isto provavelmente porque não sabe aquilo que realmente quer. Se não souber aquilo que quer, muito menos os outros podem adivinhar aquilo que pretende para lhe proporcionar um dia a dia tranquilo e que lhe dê prazer. Terá que concordar que por vezes tem atitudes amargas e extremamente desprendidas. Uma auto-análise impõe-se para poder definir o caminho a seguir. Defina aquilo que  quer de uma vez por todas, em vez de se queixar que a sua vida amorosa não corre de feição. A vida pode estar a passar-lhe ao lado e não se apercebe da dimensão do problema que está a criar para si.

Porém o calor do Verão e um período de férias faz milagres. Temos um mês de Agosto  em que tudo corre sobre rodas no que ao amor diz respeito. Estará habitado por uma forte energia que o ilumina e que lhe dá a capacidade de elaborar estratégias para seduzir a pessoa amada. Existe mesmo um certo sex-appeal que nasce dentro de si. É exactamente como naqueles dias em que olhamos para o espelho e nos achamos super bonitos. Contudo tenha cuidado para não cair no ridículo! Esta energia é boa sendo bem doseada, com conta, peso e medida. Nos casais com alguns anos de vivência em comum existe uma chama que se reacende. A intimidade toma dimensões diferentes, algo tórridas que fazem unir e consolidar sentimentos e que por vezes a rotina e o quotidiano apagam ligeiramente.

Já o mês de Setembro é um período do ano em que a vibração é boa e tudo pode mudar no campo sentimental. Esta mudança é sobretudo interior. É a forma como encara os acontecimentos e a forma como os mesmos acontecimentos podem influir na sua vida. Tente ter calma perante algumas adversidades que pode encontrar. É necessário aprender a conviver com algumas oscilações na vida, através do diálogo, da compreensão mútua e da procura interior que isso pode ocasionar, De nada serve esconder-se, a mudança impõe-se e sentir-se-á obrigado a tomar decisões importantes. Por vezes as decisões são dolorosas mas revelam-se promissoras num futuro mais longínquo, sendo o melhor que podia ter acontecido. Lembre-se do velho ditado: Deus escreve direito por linhas tortas.

No início do Outono, os indecisos tomam novos rumos movidos por uma força anímica considerável. A sua capacidade de sedução está no auge e encontra finalmente a coragem para se declarar a quem ama. Vai colocar o seu aguçado sentido de humor em prática, surpreendendo bastante o ser amado com a sua forma de actuar e de expor os seus sentimentos. Este sentido de humor vai notar-se também na sua vida social, na sua postura, na sua forma de estar com a família, com os seus filhos e com os seus amigos. Se está sozinho, cria assim oportunidades de surpreender e conquistar de forma eficaz. Tem agora consigo uma nova fonte de energia que o leva a iniciar um ciclo próspero na vida amorosa, o que mais uma vez lhe prova que quando quer agradar sabe perfeitamente como fazê-lo. Nos casais já constituídos, os sentimentos ficam consolidados. Nada foge ao seu poder de controlo. Na sua vida amorosa sente que dá de si, que é compreendido, os sentimentos são recíprocos, sente-se amado e tem a devida recompensa. Existe ainda a vontade de ter uma vida social activa, de ter a companhia dos seus amigos, a vontade de receber e de partilhar tudo aquilo que possui, mostrar que se encontra bem e dar amor também no campo da amizade.

A finalizar o ano os ânimos podem estar ao rubro e as discussões podem surgir de forma impensada e instintiva. Sobretudo os nativos que vivem situações de dualidade, devem ponderar os seus sentimentos e não provocar situações repreensíveis, brincando com os sentimentos alheios. Defina-se e saiba o que quer da sua própria vida, pondo de lado o seu bem-estar pessoal. Pondere as suas acções e saiba que está a lidar com sentimentos. Para alguns nativos de nada adianta protelar decisões no campo sentimental. É necessário saber definir o que queremos, não é bom para ninguém viver uma paz podre.

Comentários