Este homem já foi uma mulher

Jaimie Wilson, cantor norte-americano em ascenção, tinha apenas 19 anos, decidiu mudar de sexo. É, atualmente, um dos cerca de 1,4 milhões de pessoas transgénero que vivem nos EUA.

Em 2015, com apenas 19 anos, tomou a difícil, mas muito desejada, decisão de mudar de sexo. Dois anos depois, com 21, Jaimie Wilson não podia estar mais orgulhoso. Residente na Flórida, nos EUA, o cantor norte-americano em ascenção, que é uma das estrelas da edição de 2017 do Sziget Festival, em Budapeste, na Hungria, juntamente com P!nk e Wiz Khalifa, admite, no entanto, que ainda chegou a pensar esconder a sua condição.

«No início, tive medo de assumir que era transgénero porque não tinha ar disso», revela na sua conta pessoal no Instagram, onde soma já mais de 386.000 seguidores. Com um ar musculado, olhos azuis penetrantes, um rosto com uma fisionomia masculina e a roupa desportiva que usa, conseguiria enganar toda a gente. No entanto, não só quis assumir a nova condição como ainda aproveitou para partilhar fotos da transformação.

Atualmente, depois de dois anos de tratamentos de testosterona, uma cirurgia de mudança de sexo e muitas horas de treino no ginásio, Jaimie Wilson é um dos cerca de 1,4 milhões de pessoas transgénero que vivem nos EUA. Há, no entanto, quem o acuse de se ter tornado demasiado masculino. «Nós não somos as pessoas que julgamos ou queremos ser. Somos o que sabemos que somos», afirmou já publicamente.

Texto: Luis Batista Gonçalves

artigo do parceiro:

Comentários