Danah MorLife: consultora de nutrição e lifestyle

Tem 29 anos, nasceu em Amesterdão, na Holanda, e chegou a Portugal há 28. Danah MorLife é consultora e educadora de Nutrição e Lifestyle. Leva a vida com um sorriso porque segundo diz tudo a faz sentir alegre. “Dançar, viajar, descobrir o mundo dentro de mim e fora de mim! Partilhar, conversar, aprender e crescer”, são prazeres de que não abdica.

Porque é que a sua família escolheu Portugal para morar?
Pelo sol, pela natureza e pela simpatia das pessoas.

Há quantos anos se instalaram em Portugal?
Há 28 anos.

Abriram os restaurantes Joshua’s Shoarma há quanto tempo?
O primeiro restaurante abriu no centro de Cascais em 1990. Este ano celebramos 25 anos! As bodas de prata!

Quantos restaurantes já têm em Portugal?
Atualmente, temos 32 restaurantes e continuamos com uma estratégia de crescimento, tanto a nível nacional como internacional.

Onde?
Temos restaurantes nos maiores centros comerciais de norte a sul do país e um restaurante de rua na baixa de Lisboa.

Onde fez a sua formação de consultora nutricional?
Pelo Mundo. Tive o privilégio de ter os melhores professores nas licenciaturas e especializações que concluí. Licenciei-me em Ancient Indian Medicine (Medicina Tradicional Ayurvedica) em Londres, na Manipal Medical University - uma das maiores escolas de medicina do mundo – e especializei-me em alimentação funcional e nutrição integrada nos Estados Unidos, no “The Institute for Integrative Nutrition” e no “Hippocrates Health Institute”.

As viagens foram importantes para a sua formação?
Considero-as uma parte fundamental da minha formação. Destaco as viagens que fiz ao interior do Hawai, Golfo do México, África do Sul e Botswana, por exemplo, onde tive a oportunidade de ser acolhida e conviver com povos tribais que preservam costumes ancestrais muito ligados à natureza.

O que faz uma consultora nutricional?
Não me considero uma nutricionista. O meu trabalho envolve muito mais do que nutrição porque trabalho a diferentes níveis: físico e psicológico. A minha abordagem é baseada em criar liberdade e não em impor restrições. Dou a cada pessoa ferramentas e conhecimentos para que cada um saiba mais sobre o seu corpo e perceba a forma como reage. Procuro que as pessoas reestabeleçam uma relação POSITIVA com a comida. O objetivo é que cada um se torne autónomo para alcançar uma vida com mais energia, alegria e saúde. Defendo que devemos ser SOMOS “especialistas do nosso próprio corpo”.

O seu interesse pela alimentação e vida saudável foi motivado pelo negócio dos seus pais?
Inspiro-me na vida, nas experiências e, sim, também nos meus pais! Os meus pais adoram cozinhar! Na minha casa, a comida sempre foi deliciosa e saudável. E isso não só me marcou, como me motivou a querer mostrar a outras pessoas que comer de forma saudável pode ser realmente saboroso e divertido. Os meus pais são “experts” na arte de combinar sabores e texturas e ambos têm uma consciência muito forte sobre o que é ser saudável e do que significa respeitar a natureza, seja ao nível da alimentação, seja nos materiais que usamos, como os detergentes, por exemplo. Sempre usámos produtos de lavagem e limpeza ecológicos. São pequenos gestos que, se todos adotarem, fazem toda a diferença para o mundo. E eu quero que os meus - futuros - filhos e netos possam viver num ambiente saudável e não num planeta cinzento e poluído.

O que é o movimento MorLife?
É um movimento que inspira as pessoas a viverem melhor, ou seja, a alcançarem uma vida, não só mais saudável, mas também com mais vitalidade e alegria.

Quais são os seus objetivos?
Inspirar e dinamizar o movimento MorLife. Quero mostrar que a alegria e a vitalidade são possíveis de alcançar sem que isso signifique gastar dinheiro. Através de gestos simples no dia a dia podemos ter mais energia. Com uma forma de estar e pensar mais positiva, uma atitude mais proativa, uma maior consciência ambiental, sentimo-nos certamente mais felizes.

Quer chegar a quem?
A quem procura alcançar o bem estar em geral, não só físico, mas emocional e mental. A quem quer sentir-se bem consigo mesmo e com os outros.

Comentários