12 dicas para poupar dinheiro em viagens

Uma viagem não é, tipicamente, um momento propício à poupança, mas se seguir estas nossas dicas, conseguirá planear a sua próxima viagem da forma mais económica possível, mas sem poupar em experiências e divertimento.

1. Ganhe uma folga orçamental para viajar

Antes mesmo de planear a sua viagem, reavalie a sua situação financeira. Se tem créditos a pesar-lhe na consciência a retirarem espaço de manobra para planear uma grande viagem, leia este artigo antes de prosseguir no planeamento e dê os primeiros passos rumo à reestruturação ou consolidação dos seus créditos.

2. Viaje fora da época alta

Este é uma dica óbvia, mas que convém sempre lembrar. Não se esqueça de que a época alta varia de destino para destino.

A época alta é, geralmente, a melhor época (do ponto de vista do lazer e do conforto) para viajar para um local. Por exemplo, se quiser ir às Maldivas, talvez prefira ir de dezembro a março, já que é a altura mais seca do ano (sendo que a partir dessa altura o clima é mais húmido e chuvoso).

Por outro lado, viajar em meses de “época baixa” permite poupar, por vezes, 50% do valor total e é menos provável ter que lidar com verdadeiras enchentes de outros grupos de turistas onde quer que vá.

3. Veja preços de viagens em sites de comparadores de tarifas

Não vale a pena ir a correr (figurativamente) ao site da Ryanair ou da Easyjet. Veja os preços num site comparador de tarifas de voos. Quem sabe se não encontra voos ainda mais baratos em companhias aéreas que ainda não conhece?

Alguns desses comparadores são, por exemplo o eDreams, Momondo, Skyscanner, Dohop e Vayama.

4. Viaje a horas pouco convencionais

Se vai viajar de férias e não em trabalho, considere escolher um voo a horas pouco convencionais. Normalmente são bem mais baratos.

Veja também: 6 dicas financeiras para jovens na casa dos 20

5. Tenha em conta a escolha do alojamento (há várias opções!)

A escolha mais lógica e instintiva continua a passar os hotéis, embora se recorra cada vez mais aos hostels e pousadas da juventude (youth hostels).

Se se decidir por um hotel, escolham um em que o pequeno-almoço esteja incluído. Já é uma grande ajuda nos custos totais da viagem.

Sites como o Airbnb oferecem também uma alternativa valiosa aos hotéis. Ficar num apartamento é uma boa forma de viver como um habitante local e, para além disso, como têm cozinha, pode sempre cozinhar algumas refeições e, com elas, poupar muito dinheiro em alimentação durante a sua viagem.

A gastronomia é uma excelente forma de ficar a conhecer melhor as tradições e costumes de um país, por isso guarde algumas refeições mais especiais para fazer em restaurantes locais (veja as apps sugeridas no ponto 8 para se certificar que não ultrapassa o seu orçamento).

Outros tipos de alojamento aconselhados para quem quer poupar dinheiro poderão passar por pet sitting, couchsurfing, troca de casa e acampar.

Sites úteis para arranjar alojamento mais barato e viajar de uma forma alternativa (aconselha-se uma mentalidade aberta para viajar de acordo com alguns destes sites):

  • http://www.airbnb.com/
  • http://www.trustedhousesitters.com/
  • http://www.workaway.info/
  • http://www.trocacasa.com/pt/
  • http://www.couchsurfing.com
  • http://homelink.org/en/
  • http://www.homeaway.pt
  • http://www.homelidays.com

Veja mais na página seguinte.

Comentários