Liderar é bom

Quanto mais o tempo passa mais nos apercebemos da importância de termos bons líderes. Vemos isso a nível familiar, escolar, profissional, empresarial e político, mostrando a crise profunda de valores que acompanha muitos dos que chamamos líderes e que, em muitos casos, não passam de marionetas com poder e com pouco caráter.

Liderar não é um dom nem é algo reservado a uns escolhidos é uma função, e como tal pode ser ensinada, aprendida e avaliada, pelo que devemos começar desde já nas escolas e universidades a ensinar a liderar e criarmos mais líderes e menos chefes.

Inspirar os outros a realizarem uma melhor prestação é uma das tarefas que distingue um Gestor de um Líder e, consequentemente, importa conhecer os tipos de Liderança por forma a alcançar os níveis mais elevados de reconhecimento, influência e resultados que se encontram no Líder Focado, que é responsável pelo crescimento e que desenvolve nos seus seguidores, dando o exemplo e no “Líder Mentor”, que aposta na delegação de responsabilidades e confia nos seus seguidores", respectivamente. Sendo que poucas pessoas alcançam o nível final da escala, o de "Líder Inspirador".

Para melhorar esta função, apresentamos algumas ferramentas que podemos agrupar em alguns pontos muito importantes tais como:

- A importância dos valores e de serem cumpridos em primeiro lugar pela liderança;

- Liderança pelo exemplo em todos os níveis de decisão de uma organização;

- Criar um bom sistema de recrutamento para expandir capacidades da equipa com pessoas alinhadas e motivadas;

- Desenvolver a capacidade do líder de sonhar e fazer sonhar os seus seguidores;

- Melhorar a gestão do tempo;

- Aumentar o foco em resultados e não apenas em atividade;

- Implementar a capacidade de recompensar eficazmente;

- Desenvolver o poder de alinhar a visão da equipa com os interesses de cada pessoa permitindo que as pessoas sejam felizes nas organizações, pois se passamos a maior parte do tempo a trabalhar, acho que faz sentido que esse tempo seja feliz.

Com estes pontos implementados as organizações são diferentes e mais felizes e assim podemos dizer: liderar é bom!

Adelino Cunha – mentor I Have The Power

Comentários