Rapaz norte-americano chora sangue

Um dos sintomas da doença Hemolacria

Calvino Inman tem 17 anos e sofre de hemolacria, que faz com que o adolescente chore sangue. Televisão americana vai exibir um documentário sobre o rapaz e a, muito rara, doença. O caso já tinha sido relatado pela CNN o ano passado, mas era ainda desconhecido o motivo pelo qual o rapaz chorava sangue.

Calvino Inman, que mora em Rockwood, no estado americano do Tennessee, teve o primeiro episódio em maio de 2009. A mãe, assustada, chamou logo a ambulância e Calvino foi levado para o hospital, onde foi sujeito a uma série de exames e foi-lhe diagnosticada a rara doença. Barrett Haik, diretor do Instituto de Olhos da Universidade do Tennessee, afirma que a hemolacria ocorre, normalmente, em pessoas que sofreram um trauma extremo ou um impacto forte na região da cabeça.

Porém, esses não são os únicos motivos e o caso de Calvino Inman é a prova disso, aconteceu sem razão aparente. Caso é raro Haik garante que é muito raro uma pessoa sofrer a doença sem nenhuma razão específica, sendo registrado apenas com grandes períodos de tempo de intervalo.

Verificou isso durante o estudo que fez e publicou no "Journal of the American Society of Ophthalmic Plastic and Reconstructive Surgery", em que registrou apenas quatro casos entre fevereiro de 1992 e janeiro de 2003. O documentário de Calvino Inman vai ainda incluir a história da indiana Rashida Begum, de 27 anos, com a mesma doença, e será transmitido nos Estados Unidos ainda esta semana.

17 de Dezembro de 2010

Fonte: Expresso

Comentários