Os homens serão a causa da menopausa, sugere estudo

Investigação indica que mutações genéticas ao longo dos anos originaram a menopausa
17 de junho de 2013 - 11h47
A preferência masculina por mulheres mais jovens pode ter provocado o fenómeno da menopausa, segundo um estudo controverso publicado esta semana por cientistas canadianos num jornal científico da revista médica PLOS Computational Biology.
Segundo o especialista em genética evolutiva Rama Singh, professor da Universidade McMaster, em Ontário, a controversa "teoria da avó", segundo a qual as mulheres mais velhas se tornam inférteis para que possam ajudar na sobrevivência da família, auxiliando a a criar os netos, não faz sentido.
Singh teorizou que o número decrescente de parceiros homens para mulheres mais velhas – uma vez que muitos homens mais velhos procuram mulheres mais jovens - levou à falta de reprodução a partir de uma determinada idade o que acabou por gerar a menopausa.
"Se as mulheres mantivessem a reprodução e não houvesse uma preferência desfavorável relativamente às mulheres mais velhas, elas poderiam reproduzir tal como os homens, por toda a vida", afirmou Singh.
O trabalho do cientista, apoiado por modelos de computador, sugere que a preferência dos homens por mulheres mais jovens provocou um crescente número mutações genéticas que afetou a fertilidade feminina, dando origem à menopausa.
“Não posso concordar com a teoria apresentada", afirmou Steven Goldstein, professor de obstetrícia e ginecologia da Escola de Medicina da Universidade de Nova Iorque, cita a agência France Presse. "Há outros primatas que passam pela menopausa, embora a esperança média de vida após a menopausa seja extremamente limitada", referiu Goldstein, que não participou no estudo acima referido.
" Em 1850, a idade média da menopausa para as mulheres era aos 46 anos e a esperança média de vida situava-se nos 50, mais ou menos similar à dos chimpanzés e gorilas", acrescentou.
SAPO Saúde com AFP
artigo do parceiro: Nuno de Noronha

Comentários