Obras de recuperação vão dotar Madeira de hospital moderno, garante secretário regional

Governo Regional abandonou projeto inicial de construção de novo hospital por causa da crise
28 de fevereiro de 2014 - 15h38



O secretário Regional dos Assuntos Sociais da Madeira assegurou hoje que as obras de recuperação e redimensionamento do hospital do Funchal vão dotar a região de um “novo hospital com tecnologia de última geração” no próximo mandato governativo.



“Tínhamos um hospital dimensionado para os anos 70 e vamos ter um hospital já construído para o século XXI”, disse Jardim Ramos aos jornalistas, após uma visita às obras em curso.



O governante realçou que o Governo Regional teve de abandonar o projeto inicial de construção de um novo hospital devido ao contexto de dificuldades económicas e financeiras, escolhendo “uma nova versão”, baseada em experiências como a do hospital de Santo António, no Porto, que, depois de ter sido destruído por um incêndio, “optou pela reconstrução e construiu uma ala nova”.



“Esta foi uma decisão que vai sair muito mais económica ao erário publico e vai dar a resposta mais cabal, segura e eficaz aos utentes que precisarem de ser assistidos num hospital terciário, bastante diferenciado”, salientou o responsável.



Jardim Ramos sublinhou que o Governo Regional decidiu “não adiar” esta intervenção e, com base nas “boas experiências e práticas” desenvolvidas em hospitais nacionais e europeus, desencadeou o processo para dotar a Madeira de “um hospital novo, com toda a tecnologia de última geração”.



“Podem os madeirenses ficar seguros de que terão resposta tecnológica e humana para as situações que forem necessárias”, realçou.



Entre outros aspetos, o governante apontou que o projeto inclui a duplicação da área do serviço de urgência geral, ficando o hospital dotado de uma unidade de esterilização com equipamento de ponta para dar resposta à ampliação dos blocos operatório cirúrgico e de ambulatório, todos os serviços estarão interligado em termos informáticos e haverá melhores instalações para os serviços de hemodiálise, pediatria, consultas.

Comentários