Nova Unidade de Saúde Familiar vai servir 5.000 utentes em Viana do Castelo

Nova unidade contará com corpo clínico constituído por quatro médicos e cinco enfermeiros
27 de novembro de 2013 - 12h015



A quarta Unidade Saúde Familiar (USF) da cidade de Viana do Castelo abre portas a 02 de dezembro para servir 5.000 utentes, o que permitirá acabar com as listas de espera para médico de família.



A informação foi avançada hoje à Lusa por fonte da coordenação da nova USF Tiago de Almeida, que resultou de obras de adaptação do antigo edifício do Serviço de Luta Antituberculosa, naquela cidade, promovidas pela Unidade Local de Saúde do Alto-Minho (ULSAM).



Esta nova unidade contará com um corpo clínico constituído por quatro médicos e cinco enfermeiros, além de três assistentes, centrando a atuação nos cuidados de saúde familiares, precisou a mesma fonte.



Servirá cerca de 5.000 utentes, permitindo "acabar com utentes sem médico de família" na cidade, mas o objetivo dos responsáveis por aquela unidade passa por alargar a cobertura.



Vai prestar apoio no planeamento familiar, saúde materna, rastreio oncológico ou em situação de doença aguda, entre outras áreas, assegurando ainda serviços consultas de enfermagem.



Esta será a quarta unidade do género na cidade de Viana do Castelo, que se junta às USF Gil Eannes, USF Atlântico e USF Arquis Nova, todas geridas pela ULSAM, Entidade Pública Empresarial (EPE).



Os diferentes modelos de USF caracterizam-se por dimensões estruturantes como o respetivo grau de autonomia organizacional, o modelo retributivo e de incentivos dos profissionais, ou a forma de financiamento e respetivo estatuto jurídico.



Em todo o distrito de Viana do Castelo, a ULSAM contava no final de 2012 com onze USF, as quais cobriam por si só 42% dos utentes inscritos para cuidados primários na região.



Nos últimos três anos, 245.042 utentes inscritos acederam aos cuidados de saúde primários na região, sendo a cobertura de médico de família praticamente total, segundo a ULSAM.



Lusa
artigo do parceiro: Nuno Noronha

Comentários