Morreu liberiano com Ébola internado no Texas

O primeiro doente de Ébola diagnosticado fora de África, um liberiano internado no estado norte-americano do Texas, morreu hoje de manhã, informou o hospital de Dallas onde estava a ser tratado.

“É com profunda tristeza que informamos da morte de Thomas Eric Duncan esta manhã às 07:51 locais (14:51 em Lisboa), afirmou um porta-voz do centro hospitalar Texas Health Presbyterian, Wendell Watson, em comunicado.

Duncan, natural da Libéria, foi contagiado com o vírus naquele país africano, mas a doença só se manifestou depois de chegar aos Estados Unidos, a 20 de setembro, tendo sido internado a 28 de setembro.

O hospital tinha anunciado na segunda-feira que Duncan, então em estado muito grave, estava a ser tratado com um tratamento experimental, brincidofovir, um antiviral administrado por via oral desenvolvido pela Chimerix, uma empresa bio-farmacêutica norte-americana.

artigo do parceiro: Nuno de Noronha

Comentários