Investigadores de Coimbra desenvolvem guia inteligente para cegos

Uma equipa de investigadores da Universidade de Coimbra desenvolveu um “guia inteligente para orientar pessoas cegas” no interior de edifícios públicos.

O guia, que foi criado em colaboração com a Associação dos Cegos e Amblíopes de Portugal (ACAPO), pretende “aumentar a autonomia das pessoas cegas nas atividades do seu quotidiano”, sublinha uma nota da Universidade de Coimbra (UC), hoje divulgada.

Trata-se, na prática, de uma aplicação para Smartphone desenhada para ajudar, de forma rápida, intuitiva e segura, o utilizador a encontrar serviços e produtos desejados no interior de edifícios públicos.

A partir do telemóvel, o novo sistema – “SmartGuia: Shopping Assistant for Blind People” – utiliza as tecnologias Bluetooth e Wi-Fi para “orientar o cego até ao seu objetivo, respondendo a perguntas e facultando informação clara sobre lugares, produtos e serviços que se encontram no edifício”, explica José Cecílio, coordenador do projeto.

“O guia é acionado pelo utilizador e, a partir daí, atualiza constantemente a informação”, designadamente estabelecendo percursos, indicando distâncias, identificando pontos de interesse ou descrevendo o ambiente envolvente (referindo, por exemplo, a que distância há elevador ou escadas), exemplifica José Cecílio.

Uma das características mais distintivas do sistema é o facto de simplificar o trabalho do utilizador em termos de especificação daquilo que ele pretende, podendo “dizer simplesmente palavras que identifiquem o que deseja, tais como ‘comer’ ou ‘comprar roupa’”, salienta o investigador.

Comentários