Esta substância não se encontra só no alecrim, como também no louro, eucalipto, losna e sálvia.Estudos anteriores provaram que o alecrim ajuda a combater os danos dos radicais livres no cérebro e previnem o desenvolvimento de alguns tipos de cancro.