Assembleia Legislativa da Madeira chumba inquérito a infeções hospitalares na região

CDS-PP diz que infeções aumentaram 44 por cento entre 2010 e 2012
19 de fevereiro de 2014 - 16h08



Os deputados do PSD na Assembleia Legislativa da Madeira chumbaram hoje um requerimento do CDS-PP para a constituição de uma comissão de inquérito parlamentar sobre as infeções hospitalares na Madeira.



O requerimento sobre "as consequências clínicas e económicas das infeções hospitalares no Serviço Regional de Saúde" foi hoje votado, tendo recebido os votos favoráveis de todos os partidos da oposição com assento na Assembleia Legislativa, mas foi rejeitado pelos deputados do PSD, que formam a maioria naquele órgão.



De acordo com o requerimento do CDS-PP, "os dados relativos às infeções hospitalares nas instituições regionais foram reportados à Direção Geral de Saúde e os números relativos a 2012 são preocupantes, pois referem que no espaço de três anos (2010 - 2012) o número de infeções hospitalares aumentou 44 por cento, o que se traduz numa taxa de 14,4 por cento, o valor mais alto do país".



O chumbo deste requerimento precede hoje a audição parlamentar do presidente do Conselho de Administração do SESARAM - Serviço de Saúde da Madeira, Miguel Ferreira, e representantes da Comissão de controlo das infeções hospitalares.



A Assembleia chumbou, ainda, um projeto de decreto legislativo regional do PS, para acompanhamento do “Plano Estratégico de Combate à Fraude e Evasão Fiscal e Aduaneiras para o período de 2012 - 2014".



Lusa
artigo do parceiro: Nuno de Noronha

Comentários