“Receitas para Diabéticos”: Para derrubar a ideia de uma cozinha sensaborona

Ter diabetes obriga a cuidados acrescidos no que se come e como se come. Mas não tem de ser sinónimo de cozinha sem interesse e proibições ilimitadas. Laia Blay Budí lança “Receitas para Diabéticos”, obra que nos apresenta uma cozinha rica e com sabor. Um guia repleto de notas explicativas.

Quando o organismo não produz insulina suficiente para processar o açúcar, dá-se um aumento do nível de glicose no sangue, o que, a curto e a médio prazo, provoca sérios problemas de saúde. Além dos tratamentos, é importante que o diabético cuide da sua alimentação diariamente.

Atenta a estas questão Laia Blay Budí, especialista em nutrição e dietética, apresenta “Receitas para Diabéticos” (ArtePlural Edições), um guia prático que não se resume a arrolar sugestões culinárias. A autora vai mais fundo e faz uma introdução exaustiva aos porquês da doença, os seus tipos, como funciona a insulina, que dieta seguir e que exercício praticar.

“Receitas para Diabéticos”: Para derrubar a ideia de uma cozinha sensaborona

No que respeita à mesa propriamente dita, as receitas presentes neste livro estão organizadas pelos principais grupos alimentares, incluindo em cada um, o modo de preparar o prato, uma tabela nutricional e um conselho de saúde sobre como utilizar os ingredientes da receita no controlo da diabetes.

Entre as dezenas de opções apresentadas, destaque para o Creme de lentilhas e cenoura, orecchiette com tomate e curgete, as Alcachofras recheadas, a Tempura de couve-flor com molho de cogumelos, O Salmão grelhado com groselha e espinafres, O Creme frio de morangos e pistácios e Smoothie de pera.

O livro chega aos escaparates com o preço de 15,50 euros.

“Receitas para Diabéticos”: Para derrubar a ideia de uma cozinha sensaborona

artigo do parceiro:

Comentários