Endògenos vão às favas

Dia 28 de maio, o projeto Endògenos dedica à leguminosa verde a sua quinta edição, desta vez com o chefe Cordeiro, em Lisboa.

A fava é a protagonista do quinto encontro do Endògenos, um projeto do consultor Nuno Nobre e do chefe António Alexandre. A sua missão é reinterpretar experiências eno-gastronómicas, com o objetivo de preservar, dignificar e valorizar os produtos endógenos alimentares portugueses, provenientes da terra e mar, e suas regiões de origem.

Para tal, o Endògenos tem vindo a convidar diversos chefes de cozinha que interpretam cada ingrediente de uma forma muito própria. Assim depois do ouriço-do-mar (António Alexandre, do 100 Vícios - Cascais), do capão (Cláudio Pontes, do Aviz – Lisboa), das algas (Bruno Gaspar, da Escola de Hotelaria de Colares, no Hotel Pinhalmar – Peniche) e do carapau seco (Ana Pereira, da Taverna Do 8 ó 80 – Nazaré), é a vez de José Cordeiro nos dar a conhecer a sua interpretação das favas, no restaurante Chefe Cordeiro, no Terreiro do Paço, em Lisboa.

artigo do parceiro:

Comentários