Calçar português: A Clandestino e o sapato de viagem

Mesmo numa viagem pelo mundo, o design é de um português e o fabrico 100% nacional

A Clandestino nasce com o objetivo de desenhar "o sapato de viagem" inspirado no percurso de um designer, Filipe Oliveira. A verdadeira personalidade não muda com as estações.

As coleções Clandestino são intemporais e produzidas para a longevidade com a qualidade "shoes to trust". Na viagem, novas culturas, pessoas, hábitos, matérias-primas e climas serviram de inspiração ao desenvolvimento de novas coleções.

O contexto das primeiras coleções foi a Europa. Posteriormente, estas serão inspiradas pela cultura do respetivo destino. Os sapatos como uma viagem: é esse o conceito transposto para os pés do mundo.

A Clandestino não promete um mundo ou estilo de vida brilhantes, apenas assegura calçado de qualidade e bom gosto para pessoas que respeitam a liberdade de descoberta.

O percurso da marca Clandestino, iniciado em 2012 na cidade do Porto, é assegurado pelo apoio da EUREKA. Esta empresa para além do "know-how" de produção e distribuição de calçado assegura, também, o código de conduta da Clandestino no que respeita a direitos laborais, seleção de materiais seguindo as normas ambientais bem como prazos de entrega.

Mesmo numa viagem pelo mundo, o design é de um português e o fabrico 100% nacional.

A viagem apenas começou...A Clandestino irá respeitar o seu código e seguir o seu destino...e recomenda-nos o mesmo: descobrirmo-nos a nós próprios!


artigo do parceiro:

Comentários