Pele e cabelo mais protegidos dos rigores do inverno

Conselhos essenciais para sobreviver ao frio, ao vento e à chuva, algumas das principais ameaças da sua tez, das suas mãos, dos seus lábios e das suas hastes capilares

No inverno, a nossa pele anda substancialmente mais coberta do que no verão e, por essa razão, descuramos certos cuidados diários. Apesar de usarmos menos saias, mais collants, camisolas mais grossas e menos decotes não significa que devamos negligenciar o maior órgão do nosso corpo. De facto, o inverno traz consigo o frio e a humidade que podem trazer algumas consequências negativas para a pele e cabelo. Assim sendo existem uma série de cuidados que podemos exercer diariamente.

A hidratação é no inverno um fator primordial. O frio, o vento e a humidade proveniente da chuva e das baixas temperaturas contribuem para uma pele mais seca. Se juntarmos a isso as diferenças de temperatura causadas pelos aquecedores, temos uma combinação perfeita para uma pele em necessidade constante de hidratação. Escolha por isso um creme que se adeqúe ao seu tipo de pele.

Tenha também um creme diferente para a cara e outro para o corpo, dado que a pele da cara, além de mais sensível, está exposta a agressões diferentes que o resto do corpo. Se puder adquira um creme para a cara diurno e outro noturno. A diferença da composição dos dois reside no facto de à noite, tal como o resto do seu corpo, ser o tempo de descanso da sua pele. Assim os compostos do creme estão preparados para o descanso e oxigenação da pele.

Tenha ainda em mente que, ainda que não haja muito sol, é sempre altamente recomendável que o seu creme de dia tenha fator de proteção solar. Além disso é importante limpar a pele todos os dias com um produto não abrasivo. Para uma hidratação mais eficaz, não tome banho com a água muito quente e beba, pelo menos, dois litros de água por dia. Se tiver dificuldade em atingir esse valor, uma vez que nesta altura apetece menos beber água, opte por chá.

Hidrate bem os lábios e não esqueça as mãos

Os seus lábios também sentem bem a chegada do inverno. Com o frio e o vento, tendem a ficar mais secos. A hidratação dos lábios não é segredo nenhum. Encontre um batom hidratante que goste e tenha-o sempre consigo. Em caso de dúvida, pergunte ao seu médico ou farmacêutico quais as melhores opções.

As mãos costumam ser outra zona problemática. Tal como o batom, tente andar sempre com um creme pequeno na sua carteira e sempre que puder ande de luvas para que não ande sempre a pôr e tirar as mãos dos bolsos. Este movimento repetido muitas vezes com as mãos frias pode mesmo causar pequenas fissuras.

O imperativo de manter o cabelo seco

O cabelo sofre bastante no inverno por duas razões, humidade e secadores. Por um lado, não é recomendável que não seque o cabelo e, por outro, os secadores podem queimar e secar o cabelo. Parece um dilema sem saída mas a solução pode ser mais simples do que parece. No inverno, deve secar sempre o cabelo, não só por questões de saúde, mas também por causa da humidade.

Ao secar o cabelo, deve fazê-lo guardando uma distância de segurança e numa temperatura não muito elevada. Além disso pode ainda usar máscaras e produtos adequados para hidratação de cabelo exposto a este tipo de agressões. Em caso de dúvidas, recorra aos conselhos de um especialista. 

artigo do parceiro:

Comentários