Mesoplastia ajuda a refirmar a pele e a apagar o envelhecimento

A injeção na pele de substâncias que a rejuvenescem está na base desta técnica. Os efeitos não são imediatos mas tendem a perdurar mais no tempo. Saiba em que consiste este tratamento.

Rugas, flacidez, desidratação... Se quer dizer-lhes adeus e recuperar o aspeto juvenil do seu rosto, mas a ideia de fazer uma cirurgia plástica ainda a assusta, a mesoplastia é o que procurava. Esta é uma técnica de mesoterapia facial que permite rejuvenescer e prevenir o envelhecimento mediante a injeção de determinadas substâncias na pele, sem recurso, portanto, a actos cirúrgicos.

Como? Mara Fragomeni, especialista em cirurgia plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e dermatologista pela Academia Brasileira de Dermatologia, a exercer em Portugal, explica. «São injetadas mesclas de ácido hialurónico livre e vitaminas em quantidades individualizadas, de acordo a área a ser tratada e a idade do paciente, que fornecem nutrientes e estimulam os processos metabólicos de restruturação cutânea».

O resultado? Consegue-se melhorar a estrutura do tecido conjuntivo ou de sustentação da pele, ao mesmo tempo que se estimula a produção de colagénio tipo 1, o mais abundante na pele e responsável pela sua elasticidade. Uma epiderme saudável é também mais luminosa. Veja a galeria de imagens de alimentos que conferem maior luminosidade à pele.

Para quem está indicada?

Para todas as pessoas que procuram uma revitalização geral da pele, com um efeito visível de rejuvenescimento, mas que não estejam dispostas ainda a submeter-se a uma intervenção de rejuvenescimento cirúrgico. De passagem por Portugal há uns tempos, Philippe Petit, presidente e fundador da World Anti-aging Mesotherapy Society (WAAMS) e consultor da marca de cosmética Filorga, sublinha o carácter preventivo da técnica.

«É aos 35/40 anos que surgem os primeiros sinais de envelhecimento. Por vezes, antes... Portanto o ideal é agir nesta idade, para prevenir», afirma o responsável. No que diz respeito às áreas que podem ser tratadas com mesoplastia, de acordo com Mara Fragomeni, são o rosto, o pescoço, o decote, o dorso das mãos, a parte interna dos braços, as pernas e a área peri-umbilical.

Que resultados consegue?

São principalmente três os objetivos que se pretende alcançar com a mesoplastia. Restaurar volumes, refirmar a pele e combater os sinais do envelhecimento. Assim, de acordo com Mara Fragomeni, através da mesoplastia, conseguirá:

- Hidratar e reverter os danos causados pelos radicais livres, conferindo à pele um aspeto mais homogéneo e luminoso.

- Melhorar a turgência e elasticidade da pele.

- Combater e prevenir as alterações da pele que aparecem com o envelhecimento (agravados por factores como o género feminino ou masculino, o estado estrogénico, o tabaco, a ingestão de medicamentos e a exposição ao sol, ao vento e a ambientes contaminados).

- Potencializar outros tratamento, como o IPL ou a radiofrequência.

De acordo com Philippe Petit, inicialmente, é visível sobretudo uma grande melhoria na luminosidade da pele, sendo notório, a médio prazo, um verdadeiro efeito de rejuvenescimento. «A mesoterapia facial não tira as rugas, elas continuam lá, mas produz uma espécie de alisamento na pele, como se esta fosse passada a ferro», refere.

Veja na página seguinte: Quantas sessões são necessárias

Comentários