Injetáveis faciais para revitalizar a pele

Existem inúmeras substâncias que permitem hidratar e nutrir a epiderme, melhorando a sua aparência. Conheça os compostos mais utilizados pelos especialistas

Este tipo de injetáveis podem ser associados ao que se conhece como mesoplastia (mesoterapia facial). Trata-se de uma técnica que utiliza substâncias que permitem hidratar e nutrir a pele, fornecendo-lhe os nutrientes de que necessita, de forma a revitalizar o metabolismo celular cutâneo. O objetivo é recuperar elasticidade, o viço e a luminosidade natural da pele. Esta recorre muito a complexos vitamínicos, compostos químicos imprescindíveis para a vida e o funcionamento dos órgãos, incluindo a pele.

Estas substâncias servem para estimular e manter o metabolismo celular, cada uma das vitaminas cumprindo funções distintas e trazendo diferentes benefícios. Os complexos vitamínicos mais usados na mesoplastia são:

- Vitamina B1

Atua no metabolismo para obter energia.

- Vitamina B2

Mantém o bom funcionamento geral da pele.

- Vitamina B3

Regula o metabolismo das gorduras, hidratos de carbono e proteínas.

- Vitamina B6

Estimula o crescimento, a conservação e a reprodução celular.

- Vitamina B9

É regenerativa.

- Vitamina B12

Necessária para a formação do ADN e duplicação celular.

- Vitamina A

Essencial para manter sãos os ossos e tecidos, assim como a pele e as mucosas.

- Vitamina C

Evita o envelhecimento prematuro, uma vez que é um forte antioxidante. Facilita a absorção de outras vitaminas e minerais.

- Vitamina D

Desempenha funções no antienvelhecimento.

- Vitamina E

É, surpreendentemente, a vitamina com maior ação antioxidante.

Este tipo de complexos tem uma durabilidade de cerca de três meses e o preço ronda entre os 130 € e 180 € por sessão, sendo recomendável fazer manutenção a cada três ou quatro meses.

Veja na página seguinte: Os complexos minerais mais utilizados

Comentários