Despedidas de solteiro

Se a forma de celebrar o casamento já não é o que era, o mesmo se aplica às despedidas de solteiro. Há ideias por aí? Vamos explorar algumas dicas e truques.

A maioria dos casais já mora junto e de solteiro não tem nada. Será que a tradicional 'despedida de solteiro' continua a fazer sentido? Ou é apenas uma justificação para todos termos uma festarola com amigos, sem os apêndices? Diria que depende dos casais e do tipo de despedida que se quer fazer.

Numa altura em que o casamento é mais uma festa de celebração do que de união - até porque a maioria dos casais estão já muitas vezes unidos - a despedida de solteiro não é nada mais que uma oportunidade de reunir um bom grupo de amigos e celebrar a vida e o próprio casamento, com quem nos está mais próximo. Assim sendo, aqui ficam algumas linhas orientadoras para que possam preparar a vossa festa com rigor:

Quem organiza?

O padrinho - no caso do noivo; a melhor amiga (normalmente a madrinha) no caso da noiva. Deverá ser alguém que conheça em profundidade as personalidades de todos os envolvidos. Isso é meio caminho andado para que as coisas corram bem.

Quem e quantas pessoas são convidadas?

Normalmente só o núcleo duro e os principais amigos (aqueles amigos à séria capazes de levar segredos para o túmulo...e que não abrem a boca mesmo sob tortura). Os amigos que nos vão acompanhar nas crises, nas discussões...

Ideias para uma despedida de solteiro espetacular:

A forma de celebrar deve ser adaptada à personalidade dos noivos. Se há os que não dispensam os tradicionais momentos de striptease (masculinos e femininos), há os que preferem viajar com amigos numa espécie de vá para fora cá dentro, ou então...de malas aviadas rumo a Madrid, Barcelona, Londres o Nova Iorque. A imaginação é o limite, o importante é que todos se divirtam. Seja feita num ou em vários dias, o importante é manter o suspense, preparar um programa com um dinamismo inesquecível e cheio de adrenalina.

O que nunca fazer?

Despedidas de solteiro ao género do filme: "A Ressaca" nunca correm bem quando feitas na vida real. Nunca, mas em momento algum, realizem a despedida de solteiro no dia anterior ao casamento. Façam-no pelo menos duas semanas antes - na verdade nunca se sabe o que poderá acontecer... Deixar que os noivos percam os sentidos de forma a realizarem coisas das quais se vão arrepender assim que recuperam a sobriedade, é uma responsabilidade dos padrinhos.

Posto isto, coloquem os neurónios a funcionar e pensem em atividades "out of the box" para que tudo corra como inicialmente estava planeado.

Quiosque do Ken

artigo do parceiro:

Comentários