Obras em escolas de Aveiro vão mesmo avançar

A Câmara de Aveiro adjudicou as empreitadas de reabilitação da Escola Básica do 2.º e 3.º ciclos João Afonso de Aveiro e da Escola Secundária Jaime Magalhães Lima.
créditos: Pixabay

A empreitada de requalificação da Escola Básica João Afonso de Aveiro, no centro da cidade, foi adjudicada por cerca de um milhão de euros, com um prazo de execução de um ano.

A empreitada de requalificação da Escola Secundária Jaime Magalhães Lima, em Esgueira, foi adjudicada por cerca de 1,5 milhões de euros, com um prazo de execução de um ano, sendo “a mais importante obra a concretizar no âmbito da aposta na qualificação do parque escolar do Município de Aveiro”, segundo uma nota de imprensa da autarquia.

As intervenções serão cofinanciadas pelo Portugal 2020 no âmbito do Pacto para o Desenvolvimento e Coesão Territorial da Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro, seguindo agora o processo para o Tribunal de Contas, a fim de obter o respetivo visto.

De acordo com declarações do presidente da Câmara, Ribau Esteves, na última reunião do executivo, a realização das obras irá ser articulada com os respetivos agrupamentos escolares para tentar minimizar o impacto nas atividades letivas.

Na sessão de câmara realizada quarta-feira, o executivo aprovou também o acordo de cooperação com o Ministério da Educação para construir a nova escola do primeiro ciclo de São Bernardo, dado que o terreno integra o recinto da Escola Básica do 2.º e 3.º Ciclos de São Bernardo, estabelecimento de ensino que é da responsabilidade do Ministério da Educação.

O concurso público para a construção da nova Escola de São Bernardo está em curso, sendo o investimento previsto de cerca de um milhão de euros, igualmente financiado pelo Portugal 2020.

artigo do parceiro: Nuno Noronha

Comentários