Enfermeiros assinalam Dia da Criança com atividades para diminuir medo dos hospitais

Atividades pretendem também sensibilizar os pais para o trabalho dos enfermeiros

No dia 1 de junho celebra-se o Dia Mundial da Criança. Para assinalar esta data, a Mesa do Colégio da Especialidade de Enfermagem de Saúde Infantil e Pediátrica (MCEESIP) da Ordem dos Enfermeiros (OE) vai realizar nos dias 2, 5 e 12 de junho, em Lisboa, Coimbra e Gondomar respetivamente, algumas atividades dirigidas a crianças do ensino pré-básico e básico, com o tema “Diminuir o medo da cirurgia e do internamento”.

 

Com estas atividades, a MCEESIP pretende não só informar e tranquilizar as crianças sujeitas a procedimentos relacionados com o internamento e cirurgia sobre os mesmos, como também sensibilizar os pais para o trabalho dos enfermeiros que fazem a preparação para a cirurgia, apelando à sua participação enquanto parceiros de cuidados.

 

Os enfermeiros reconhecem e valorizam a importância da família nos cuidados à criança porque ajudam a mantê-la no seu contexto social primário, através da ligação com o seu ambiente familiar e as suas rotinas. A participação dos pais nos cuidados é, para os enfermeiros, uma vantagem inquestionável pois contribui para minimizar as consequências negativas da hospitalização.

 

O enfermeiro assume assim um papel essencial e estruturante, quer a nível da educação junto das crianças e seus cuidadores, quer na prestação de cuidados de saúde, pois detém a competência adequada para o conseguir com afeto, amor e compreensão.

 

Por SAPO Crescer

artigo do parceiro: Nuno Noronha

Comentários