O que gostava que ele soubesse sobre a gravidez

A gravidez não é fácil para os pais, por isso o mais importante é ter paciência e bom senso. Para que tal aconteça o melhor é que os dois saibam o quanto é difícil uma gravidez.

Quando se trata de lidar com mulheres grávidas ninguém é especialista, mas a verdade é que por vezes era bom que o próprio companheiro percebesse pelo que está a passar. Os enjoos, as emoções e muito sono são algumas das alterações que a mulher sofre quando se encontra grávida e para que tenha uma gravidez simples e sem complicações, o ideal é ver o companheiro como um melhor amigo disposto a compreendê-la da melhor forma. Descubra as 10 coisas que todos os homens deviam saber sobre a gravidez e consiga que o seu companheiro seja um bom ombro amigo sempre disposto a ajudar. Explique-lhe as coisas da melhor forma e tenha uma gravidez tranquila e repleta de bons momentos, em que descobrem a dois as maravilhas da maternidade.

Ganhar peso - Com a gravidez as mulheres passam a ter determinados desejos sempre por comida que infelizmente é mais calórica. E, como não é boa ideia contrariar uma mulher grávida, o melhor é dar-lhe o que ela pediu, mas sempre de uma forma equilibrada. Com o passar dos meses o corpo muda e adapta-se às novas circunstâncias por isso o normal é a mulher acabar por engordar alguns quilos (que geralmente são perdidos depois do bebé nascer). É importante ter paciência e apoiar a mulher nesta fase.

Enjoos - Estes são muito comuns durante a gravidez  e por isso a mulher nem sempre se sente bem. Os enjoos acontecem devido a ação do progesterona no primeiro trimestre da gravidez, que promove o aumento da saliva que, em excesso, provoca um desconforto na boca e um mal-estar no estômago.

Sensibilidade nível 20 - As grávidas costumam ser mulheres mais sensíveis. A pior altura será no primeiro trimestre, pois as emoções ganham forma devido ao medo do que está para acontecer e as hormonas acabam por andar um pouco descontroladas. Na fase final da gravidez a ansiedade volta por causa do aproximar do parto.

Estar com sono o dia todo - Isto acontece principalmente no primeiro trimestre da gravidez em que por vezes é difícil para as grávidas controlarem o seu sono. A culpa é das hormonas e a melhor forma é a mulher não se deixar vencer pelo sono ou passar a descansar mais horas.

Desejo sexual - As indisposições no início podem afetar o desejo da grávida. Enjoos, vómitos e o mal estar físico podem atrapalhar. No final da gravidez, devido à grande barriga e às dores de costas, ter relações sexuais acaba por ser algo desconfortável. O bom é que as hormonas como o estrogénio e o andrgénio aumentam o desejo de ter prazer, por isso usem e abusem da vossa imaginação.

Comentários