Ronaldo desmente traição

O jogador português nega ter traído a namorada, Irina Shayk, com a “Miss Bumbum Brasil”.

Cristiano Ronaldo veio hoje a público desmentir que tenha traído a namorada, Irina Shayk, com Andressa Urach, “Miss Bumbum Brasil” – notícia publicada com grande destaque no jornal “The Sun” e noutros tablóides britânicos.

Segundo tal notícia, baseada em declarações da própria Andressa, uma ex-bailarina de 27 anos, a brasileira e o jogador português protagonizaram uma escaldante noite de sexo num luxuoso hotel de Madrid, no passado dia 22.

E não faltam pormenores, com “Miss Bumbum” a revelar que Cristiano mostrou na cama todas as suas potencialidades: “Foi incrível, o corpo dele é perfeito, como o de um Deus grego. Aguentou-se durante horas e não parava de falar do meu rabo”, disse ela.

Andressa contou, ainda, que a ideia do encontro no hotel partiu do próprio futebolista, que teria ficado “muito excitado” com as suas fotos online e que passou a noite a tratá-la por “pequeno cavalo”.

Cristiano Ronaldo, que se prepara para um jogo decisivo da Liga dos Campeões (na próxima terça-feira, contra o Borussia de Dortmund), já reagiu, através de um comunicado colocado no Facebook.

Depois de sublinhar que essa “tal de Andressa” anda “à procura de protagonismo” à sua custa, o craque português recorda que o escândalo surge “em véspera de um jogo importantíssimo” para o Real Madrid e garante que tudo não passa de uma história fantasiosa.

“Profundamente revoltado com tal situação, que pretende, em vão, afetar a minha vida pessoal, apenas quero esclarecer que estive realmente no Hotel Villa Magna no dia 22 de Abril, mas a dar uma entrevista ao jornalista Manu Sainz, conforme o mesmo poderá corroborar. Tudo o resto são puras fantasias”, escreveu Ronaldo no seu Facebook.

Comentários