Kelly, a namorada traída por Dodi

No inquérito oficial que decorre em Londres sobre as circunstâncias da morte da Princesa Diana, o júri ouviu a modelo Kelly Fisher, antiga namorada de Dodi Fayed que se sentiu traída e humilhada quando se tornou público o romance do egípcio com Diana.

Kelly contou que o seu namoro com Dodi começou em Julho de 1996, com o milionário a oferecer-lhe montanhas de presentes. Apenas dois meses depois, Dodi pediu-a em casamento. "Ele queria que a nossa relação avançasse muito rapidamente, e na altura isso pareceu-me bom", contou Kelly.

O primeiro sinal de que algo não ia bem no namoro surgiu em Junho de 2007: Dodi insistiu com Kelly para que deixasse de trabalhar e passou-lhe um cheque de 200 mil dólares, mas quando a modelo foi ao banco verificou que o cheque não tinha cobertura.

O pior veio quando uma amiga lhe mostrou a célebre fotografia de Diana e Dodi a beijarem-se. "Não pode ser, eles são apenas amigos", disse Kelly, recusando-se a acreditar. Mas a amiga desenganou-a: "Não, eles têm realmente um namoro, vem em todos os jornais!".  

Inconformada, a modelo ligou directamente para Dodi, que desmentiu o namoro com Diana mas aproveitou para dar por findo o idílio com Kelly. O egípcio tinha agora uma versão oficial: "Kelly, nós acabámos há dois meses!". Atónita, a modelo traída só conseguia balbuciar: "Acabámos há dois meses? Dodi, do que é que estás falar?"...

artigo do parceiro: Top Fama

Comentários