Judite Sousa: “Onde está Deus?”

A jornalista continua mergulhada numa dor sem fim pela morte do filho.

Inconsolável e com evidente necessidade de partilha, Judite Sousa voltou às redes sociais para desabafar sobre a perda do seu único filho, André, que morreu na sequência de um acidente numa piscina durante uma festa de amigos numa quinta de Azeitão, Setúbal. 

Na legenda de uma foto do filho, que aqui reproduzimos, a jornalista da TVI escreveu: 

“Esta é e será sempre a memória mais forte que guardo do meu querido e único filho. O meu André foi um exemplo para todos os jovens da sua geração: preparado, persistente, otimista. A minha alegria da minha vida. O meu grande amor. Sempre. Quando a palavra ‘Amor’ deixa de ter sentido por muito que lutemos por amar e sermos amados, há sempre o amor de um filho. 

Incondicional. O amor que nos enche e consola a alma! Agradeço a todos aqueles que me têm dirigido palavras de conforto. A minha gratidão é infinita. Não sei se irei ter serenidade para recuperar a Vida. O que é a ‘Vida’ quando o motor das nossas vidas desaparece? Onde está Deus? O que significa o trabalho? Para quem? Porquê? O meu querido filho já não está comigo. Com todos os que amava e que o amavam e o tinham sempre no coração. Um coração maior que o mundo. Os meus agradecimentos aos amigos sempre presentes. Cúmplices. Solidários. A amizade é Amor. Bem Hajam”.

Comentários