DJ português entre os melhores do mundo

Tó Pereira, o "Vibe", sobe no top interncional.

“Vibe” começou bem cedo a “pôr música”. Em 1983, com 15 anos, teve a sua primeira actuação no “Clube Bataclan”, em Lisboa, passando logo depois a repartir a sua actividade por clubes e estações de rádio, dedicando-se ainda à produção e remistura de outros artistas. Esteve envolvido no lançamento dos mais importantes clubes em Portugal, com destaque para o “Plateau” em 1985 e o “Alcântara-Mar” em 1988. Nesse mesmo ano, juntou-se ao “Kremlin” naquela que foi a sua mais longa “residência” como DJ até hoje.

Em 1995, a revista inglesa “Muzik Magazine” dedicou a “Vibe” e ao “Kremlin” a sua primeira edição, num trabalho intitulado “Um paraíso chamado Portugal”, que elegia Lisboa como uma alternativa a outros destinos com reputação no campo da diversão nocturna e entretenimento.

Nos anos 90, Tó Pereira juntou-se à Banda LX90 (pop/rock/indie/dance), que lançava samplers, e ao projecto “USL-Underground Sound of Lisbon”, cujo maior sucesso, "So Get Up", chegou a nº 1 em tabelas especializadas em todo o mundo (vendeu mais de 40.000 singles e mais de 1 milhão em compilações através da editora “Tribal America Records”).

Também envolvido na rádio, “Vibe” produziu em 1980 o programa diário “4º Bairro” para a Rádio Comercial. Entre 1991 e 1993 teve o primeiro programa de sua autoria na Rádio Energia, e em 1994 iniciou as emissões do “Dancefloor”, programa na Antena 3 que ainda hoje se encontra no ar.

“Vibe” foi o primeiro DJ nacional a ser convidado a remisturar uma banda pop/rock em Portugal, tendo-se distinguido nesta área com os Ban, os Rádio Macau e Pedro Abrunhosa.

Mas a sua maior paixão continua a ser “pôr música”. “Residente” do “Lux-Frágil” desde a fundação, em 1998, é ainda titular de uma “residência” como DJ no “Clube Stereo” em Montreal, no Canadá, considerado por muitos como o clube com melhor sistema de som em todo o mundo.

artigo do parceiro: Top Fama

Comentários