David Motta em guerra com o patrão

David Motta em guerra com o patrão O filho da socialite presa por mandar matar o marido foi dispensado do trabalho, acusado de roubar dinheiro da empresa.

O filho de Maria das Dores, a socialite presa por mandar matar o marido, está a passar novamente por uma má fase. O jovem David Motta foi despedido da empresa Espectacular Produções por "mau comportamento e roubo de dinheiro".

Quem assim o conta é o patrão de David Motta, Daniel Martins: "Ele foi despedido há uma semana, por muitos motivos. É preguiçoso, tem mau comportamento, andava nas festas como se fosse um famoso e não um relações públicas, e o mais grave de tudo é que roubou dinheiro à empresa", disse o empresário a SapoFama.

David Motta iniciou funções como relações públicas há quatro meses, com uma avença de 550 euros, mais ajudas de custo para deslocações e alojamento no Porto, onde a Espectacular Produções está sediada. "Ele vinha de Lisboa para a Invicta e ficava a dormir nos hotéis. Não fazia nada!", desabafa Daniel.

Foi em Julho que o primeiro problema surgiu entre David e a empresa. Daniel Martins assegura que o filho de Maria das Dores desviou dinheiro de um evento do qual era responsável. "Só estava ele e a funcionária Maria Fernanda, uma senhora que trabalha há anos comigo e é de extrema confiança, quando o dinheiro simplesmente sumiu!", acusa o dono da Espectacular, a calcular que nesta e noutras ocasiões desapareceram 1300 euros.

A seguir, Daniel Martins diz ter caído no conto do vigário: "O David pediu-me para fazer uma transferência para a conta da Cruz Vermelha, de forma a pagar a sua entrada no Baile anual. Ele deu-me o NIB, meti lá o dinheiro, fui para o evento e avisei que já tinha feito o pagamento para o David entrar. Ele entrou e divertiu-se à grande. Mais tarde, o próprio contou-me que afinal eu tinha feito a transferência para a conta de uma amiga dele. Que vergonha!"

Daniel Martins diz-se muito arrependido por ter contrariado os amigos ao contratar David Motta: "Toda a gente me avisou que ele não valia nada, mas eu quis fazer de bom samaritano e dar uma oportunidade ao rapaz. Ele confessou-me que não se arrepende de ter roubado o próprio pai. Por isso, também não deve estar arrependido do que me fez a mim e a minha empresa."

DAVID MOTTA RESPONDE

Contactado por SapoFama, David Motta defende-se das acusações que lhe são feitas, ameaçando com tribunais. "A situação com o Daniel Martins complicou-se e eu vou ter de resolver tudo na justiça. Essas acusações são completamente infundadas e gravíssimas", começa ele por dizer.

O jovem declara ter a "consciência tranquila" por ter feito o seu melhor enquanto relações públicas e considera-se uma "pessoa empenhada, com capacidade de decisão, muita facilidade de comunicação, alguma cultura e sensibilidade".

David argumenta que a Espectacular Produções estava a querer aproveitar-se da sua imagem de figura pública, sem querer dividir consigo os dividendos. "Tenho uma imagem a defender, que já foi muito beliscada. Era do meu total interesse ser o mais competente possível", lança ele.

Por agora, David garante que não está nas ruas da amargura. Conta-nos que está a colaborar com uma revista que vai sair em breve para o mercado e que sonha ser jornalista e produtor de moda.

Vanessa Amaro (texto)

artigo do parceiro: Top Fama

Comentários