Brigitte Bardot ameaça fugir para a Rússia

Não é por causa dos impostos – é para tentar salvar dois elefantes…

Brigitte Bardot, antiga musa do cinema francês, ameaçou ontem, sexta-feira, seguir os passos do seu colega Gérard Depardieu e pedir um passaporte russo. Não por causa da alta taxa de impostos que o governo de Paris quer impor aos mais ricos – medida que levou o ator a fugir de França – mas em protesto contra o reles tratamento dado a dois elefantes de um circo.

Os animais, chamados Baby e Nepal, estariam tuberculosos e foram mandados abater por um tribunal de Lyon, como medida de precaução.

Bardot não tardou a reagir e emitiu um comunicado duríssimo. Disse ela: "Se quem está no poder for suficientemente covarde e descarado para matar os elefantes, eu vou pedir a nacionalidade russa para sair de um país que se tornou num cemitério de animais.”

A ameaça de Bardot surgiu um dia depois de Depardieu ter causado grande polémica em França ao tornar-se cidadão russo, em protesto contra as altas taxas de impostos propostas pelo governo socialista.

Bardot, que saltou para a fama em 1956 graças ao filme de Roger Vadim “E Deus Criou a Mulher”, tornou-se uma acérrima defensora dos direitos dos animais, mas também de gays, imigrantes e desempregados.


Comentários