Antigo coreógrafo explica porque Mariah não dança (de todo)

Anthony Burrell deu uma entrevista à Complex na qual explicou o que se sente ao trabalhar com uma cantora como Mariah Carey. O coreógrafo afirmou que é um enorme desafio adaptar as danças à mesma. Desde que deixou de trabalhar para a artista, Burrell considera que os seus espetáculos pioraram neste sentido.

Recentemente, Mariah Carey deu bastante que falar depois de um vídeo de um dos seus concertos ter ido parar às redes sociais (ver abaixo). No mesmo era possível verificar que a cantora não é nada dada à dança.

Um dos seus coreógrafos, Anthony Burrell, que entretanto foi despedido, descreveu como foi a sua experiência ao trabalhar com a ‘diva’ neste âmbito.

“É típico da Mariah”, afirmou numa entrevista à Complex. “A Mariah é clara: quando não quer alguma coisa, ela não o faz. Ela está a atuar sem graça nenhuma e isso tira o seu brilho”, realça.

O facto é que as coreografias nunca foram o forte da cantora, mas ainda assim, o coreógrafo notou um declínio ao ver os vídeos das mais recentes performances da cantora.

“Trabalhar com uma artista como a Mariah, que não põe a dança em primeiro lugar. É sempre um desafio puxar por ela fisicamente e não apenas a nível vocal. Tens de ter sempre em mente que ela primeiro é cantora. A prioridade não é ensiná-la a dançar, ou a executar rotinas sem fim. Queria dar à Mariah um impulso moderno para renová-la, de forma a não parecer que lhe estavam a doer os pés cada vez que andasse em palco”, constata.

No entanto, Burrell afirma que a sua equipa de dançarinos não leva as coisas a sério e que em vez de a tentarem proteger, não se importam de errar.

artigo do parceiro: NM

Comentários