Confluência de atrações numa cidade capaz de surpreender

Com património histórico reconhecido pela UNESCO, Lyon, em França, é simultaneamente uma cidade moderna e vibrante, um conceito que o Novotel Lyon Confluence Hotel também personifica.

À semelhança do que sucedeu em Lisboa com o Parque das Nações, também Lyon tem vindo a saber reconverter uma área menosprezada na confluência dos dois rios que a atravessam numa nova zona de lazer onde não faltam edifícios empresariais e habitacionais, espaços ajardinados, um centro comercial e até um hotel. Localizado no novo bairro trendy da segunda maior cidade de França, o Novotel Lyon Confluence Hotel é uma unidade hoteleira de quatro estrelas com 150 habitações.

Com uma decoração moderna e urbana, seduz pelos traços contemporâneos e pelos materiais com traços leves que exibe. O vidro é um elemento fundamental no estilo decorativo ecolhido para as partes comuns do empreendimento, permitindo observar o ininterrupto correr das águas do rio Saône e do rio Rhône. O seu movimento, rápido e turvo, contrasta com a tranquilidade do verde da colina.

Uma elevação rendilhada pelo branco de alguns edifícios que, do outro lado, se impõe naturalmente sobre a paisagem. É deste o cenário que quem frequenta o restaurante, o bar ou o terraço tem dificuldade em desviar o olhar porque, à medida que o dia vai avançando, as cores vão adquirindo novas tonalidades. Com o cair da noite, as luzes das casas da elevação iluminam-se, conferindo outra magia ao local.

Apesar de não ser o mais central dos hotéis da cidade, o Novotel Lyon Confluence Hotel, localizado numa zona menos movimentada, acaba por revelar-se a escolha perfeita para quem pretende passar lá uns dias, permitindo fugir ao stresse do dia a dia sem a confusão turística do centro histórico da urbe. A pé, os principais monumentos estão a uma distância de cerca de meia hora, um percurso que o elétrico que serve aquela zona faz em cerca de 10 minutos.

Resort urbano moderno e futurista

Recentemente renovadas, as habitações do Novotel Lyon Confluence Hotel, que pode ver nesta galeria de imagens, também apresentam um estilo decorativo modelar e contemporâneo. Além de uma televisão com ecrã LCD e de Wi-Fi grátis, todas incluem um mini-bar e um jarro elétrico com saquetas para chá e café. Os quartos executivos estão equipados com uma máquina de café da Nespresso e a suite, além dessa, ainda está dotada de um dock para iPad.

Mas o seu grande trunfo é, contudo, a desafogada vista para o rio Saône e para a paisagem que circunda o hotel, o centro comercial local, o novo Musée des Confluences e o recinto que acolhe a Bienal de Lyon. Um espaço que tem vindo a acolher alguns dos exemplares da arquitetura moderna com laivos futuristas que começam a marcar o estilo estético de muitas cidades europeias. Um verdadeiro resort urbano com espaços verdes e com áreas que apelam à fruição.

Embora esta área da cidade mereça uma visita atenta, as principais atrações turísticas estão, todavia, concentradas junto ao centro histórico e às áreas mais comerciais. A partir do hotel, se não quiser apanhar o elétrico ou um táxi, pode apanhar o táxi aquático que faz a ligação de barco até essa zona. Depois, é caminhar pelas ruas, aproveitando para visitar as igrejas, as lojas, as galerias, os monumentos e os mercados que vai encontrando em cada uma das margens dos rios.

Veja na página seguinte: As 29 pontes que pode atravessar e as portas que escondem mistérios

Comentários