As mulheres são as viajantes do século XXI

Uma agência de viagens realizou um estudo sobre o perfil do viajante do século XXI, onde revela quais os comportamentos e fatores importantes na escolha e reserva das viagens dos europeus em geral e portugueses, no particular.

O perfil do viajante português do século XXI é do sexo feminino, com idade compreendida entre os 20 e 29 anos, licenciado e com filhos. Foram estas as conclusões do inquérito realizado pela eDreams, a maior agência de viagens de voos online.

A nível europeu, o perfil traçado volta a reincidir sobre o sexo feminino, mas com uma faixa etária que se fixa nos 40 anos, com residência nas grandes metrópoles, com filhos e um salário médio acima dos 1.500 euros.

Quando o assunto é a escolha da viagem, os portugueses são um povo decidido, poupado e que gosta de fazer tudo sem pressa. Segundo o inquérito realizado, 82% dos portugueses olham para o preço no momento de viajar e 56,6% reserva a viagem com 1 a 5 meses de antecedência.

Apesar de preferirem passar férias junto ao mar, 46,9% dos portugueses privilegiam a história e a cultura do destino no momento de viajar. Os europeus, ao contrário dos portugueses que gostam de decidir por si próprios, têm por hábito pedir a opinião de amigos e família na decisão do destino de férias.

Relativamente às reservas de hotel, tantos turistas como portugueses não abdicam de uma estadia num local central, limpo e que disponha de serviço de SPA e wi-fi gratuito. Contudo, os portugueses destacam-se por prestarem mais atenção ao preço e à aceitação de crianças nos momentos das reservas.

O companheiro e família são as companhias escolhidas pelos portugueses e estrangeiros quando vão para fora do seu país. Na hora de viajar, a comida e o companheiro de voo são dois fatores determinantes na qualidade do voo. Para os estrangeiros, contudo, é fundamental que a companhia low cost onde viaja tenha wi-fi, bebidas frescas e entretenimento a bordo.

Comentários