A sua saúde precisa de sexo

As provas são inegáveis por isso até custa a crer que ainda existam tantos tabus e bloqueios íntimos.

Quantos após uma noite de sexo não ficaram de sorriso escancarado no dia seguinte? Ou quantos não tiveram um dia mais enérgico após uma manhã de sexo? Está mais do que provado que não é apenas uma atividade prazerosa, momentânea e quando feita com qualidade pode prevenir doenças do coração, melhorar a autoestima, reduzir o stress, afastar a depressão, melhorar o humor, dar energia, enfim... os benefícios são mais que muitos, fora o prazer que dá, por isso está à espera do quê?! Se gosta, faça e não faça caso de convenções ou de mentes mais fechadas. Leia alguns dos porquês:

Confiança
Ter autoestima é sinónimo de alguém que está de bem com a vida, consigo mesmo e que investe em si mesmo e, por conseguinte, os benefícios físicos, psicológicos e profissionais são inúmeros. Quando alguém tem uma vida sexual ativa e satisfatória é normal que tenha tendência para cuidar mais de si e da sua aparência. Este sentimento de confiança traz, igualmente, benefícios no plano profissional.

Humor
A libertação de dopamina no cérebro aciona a zona do prazer e, por conseguinte, confere a sensação de bem estar no corpo humano.

Circulação sanguínea
O sexo ativa a mesma logo é normal que o corpo fique relaxado e sem dores. No caso de cólicas menstruais ou dores de cabeça, a libertação de oxitocina e endorfina combatem a dor sem nenhum tipo de consequências. Não obstante, a pressão sobre os vasos sanguíneos no cérebro é reduzida, o que alivia qualquer dor de cabeça.

Sono
Quando o orgasmo é atingido é libertado o hormônio prolactina que despoleta a sensação de relaxamento e sonolência, o que contribui para uma melhoria do sono.

Stress
A endorfina, tal como referido acima, ajuda a aliviar a tensão e proporciona bem estar.

Depressão
A partir do momento em que a atividade sexual melhora o bom humor e melhora a autoestima, é normal não ser 'invadido' por estados depressivos.

Libido
É tão simples como... quanto mais fizer, mais vontade tem de fazer!

Calorias
Quantas se perdem não se sabe ao certo, até porque cada caso é um caso, mas há a certeza de uma coisa, funciona tão bem como qualquer outro exercício físico. Quer a força, a flexibilidade, os músculos da região pélvica, entre outros, são notoriamente trabalhados e exercitados.

artigo do parceiro:

Comentários