Existem muito poucos desportos tão completos e ao alcance de tanta gente. Bebés, grávidas e idosos podem tirar proveito deste desporto aeróbico, de pouco impacto para os ossos.

Qualquer pessoa, independentemente da idade, sexo ou profissão, pode fazer natação sem problemas uma vez que a água é um meio muito benéfico para o corpo, relaxante, sem efeitos agressivos e favorece as funções orgânicas.

Para além disso, a natação:

- Reduz o risco de episódios cardiovasculares

Braçada após braçada, o coração torna-se mais forte, ganha músculo e perde a gordura que o rodeia, o que faz com que consiga bombear mais sangue para o resto do organismo. Para além disso, reduz a frequência cardíaca e estimula a circulação sanguínea.

- Melhora o sistema respiratório

Os pulmões são órgãos elásticos, cuja capacidade de contracção e expansão depende dos músculos da parede torácica. Com a natação, estes músculos fortalecem-se e, como resultado, a respiração permite-lhe uma maior oxigenação.

- Fortalece as articulações

A natação faz com que os músculos aumentem de tamanho e protejam mais eficazmente tendões e ligamentos, para além de exercitar todas as articulações e potenciar a sua flexibilidade. A sua lubrificação interna também melhora, aliviando a dor causada pela artrose.

- Sobe a auto-estima

Os desportistas sentem-se mais independentes e seguros. No caso da natação, a estes benefícios acrescenta-se o facto da água permitir uma liberdade de movimentos que o trabalho a seco não proporciona. Isto favorece a vertente lúdica, facilitando o relaxamento mental.

- Reduz a dor e o risco de lesões

O fortalecimento do nosso organismo faz com que muitas dores de origem difusa diminuam. A natação é um dos desportos mais recomendados pelos especialistas para acalmar patologias que impliquem muitas dores, como a fibromialgia.

- Retarda os efeitos do envelhecimento

Tanto a nível físico como psicológico. São vários os estudos que confirmam que uma pessoa de 65 anos que faz exercício regularmente tem uma maior capacidade física e vital.

- Ao sabor das ondas

Aproveite os dias de praia e os seus tempos livres na piscina para fazer alguns exercícios:

- Glúteos e pernas

Em pé, com a água pela cintura, contraia os glúteos e estique a perna esquerda para trás. Volte à posição inicial e repita o movimento, mas com a perna direita. Faça uma série de 10 repetições para cada perna.

Em pé, com a água pela cintura, pés juntos, coloque a mão esquerda na cintura e levante a perna esquerda para o lado, permanecendo nesta posição durante alguns segundos. Repita 20 vezes com cada perna.

- Abdominais e cintura

De pé, com a água à altura do peito e os braços cruzados, suba os joelhos enquanto contrai a barriga, depois estique as pernas para o lado esquerdo, volte ao meio novamente enquanto flecte os joelhos sem pousar os pés no chão. Faça o exercício de novo, mas para o lado direito. Repita 15 vezes para cada lado.