O treino ao ar livre poderá ser uma ferramenta essencial como complemento ao treino de ginásio, pois vai permitir que realize treinos em circuito, treinos com períodos de descanso reduzido ou até realizar um trabalho cardiovascular intervalado de forma mais eficaz, tudo metodologias que por vezes se tornam difíceis de realizar em ambiente indoor.

Existem ainda outras vantagens do treino outdoor, pois também irá ter ganhos ao nível da vitamina D devido à exposição solar, vai ter a oportunidade de respirar ar natural e irá ter uma maior relação com a natureza.

O American College os Sports Medicine (ACSM) afirma que o High Intensity Interval Training (HIIT) e o Body Weight Training (calisténico) são as grandes tendências do fitness.

No primeiro caso sem dúvida que é um método de treino muito eficaz quando realizado em ambiente outdoor, pois toda a sua metodologia está baseada na relação entre tempo de trabalho e descanso, logo poderá controlar o treino sem qualquer interferência externa.

O Body Weight Training é um treino onde usamos o corpo como principal ferramenta de resistência muscular, podendo potenciar o exercício com diversos “materiais” que a natureza e o meio urbano disponibiliza, como bancos de jardim, árvores, escadas, entre outros.

Alguns exemplos de exercícios outdoor:

1. Push Up

Push up
créditos: Holmes Place

2. Step up

Step up
créditos: Holmes Place

3. Dips

Dips
créditos: Holmes Place

João Maldonado – Personal Trainer no Holmes Place Alvalade

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.