Os cabelos brancos há muito que atormentam as mulheres, como se a cor anunciasse um destino, a velhice. «O cabelo branco surge com a idade e a altura do seu aparecimento é geneticamente determinada», refere Paula Quirino, médica dermatologista na Climel, Clinica Médica na Figueira da Foz e no Centro de Dermatologia Epidermis no Porto. Através da coloração, é possível escondê-los, no entanto, são cada vez mais as mulheres que decidem assumir os seus cabelos brancos.

Muitas fazem-no para poupar tempo e dinheiro em idas ao cabeleireiro, por questões de saúde ou, mesmo, porque gostam do seu tom natural. E há até mulheres mais jovens a pintar o cabelo de cinza por uma questão de estilo. Uma coisa é certa, «sejam tons de fantasia ou cabelo natural, quem assume o branco destaca-se entre as loiras, morenas ou ruivas» refere Maria Lourenço, hairstylist.

Em entrevista a Paula Quirino, ficámos a saber mais sobre as especificidades do cabelo branco e que tipos de cuidados requer. Veja também a galeria de imagens com os sete conselhos que vão melhorar a sua saúde capilar num ápice.

Por que aparecem os cabelos brancos?

O cabelo branco é uma característica associada à idade. Aos 50 anos, 50 por cento dos cabelos são brancos em metade dos indivíduos de raça caucasiana. O cabelo branco perde melanina na sua haste, mas desconhecem-se as causas desta perda progressiva de pigmento.

Que fatores contribuem para o aparecimento dos cabelos brancos?

O aparecimento dos cabelos brancos é geneticamente determinado e independente do sexo e da cor do cabelo. Ocorre mais tardiamente na raça negra.

O stresse e as preocupações podem provocar cabelos brancos?

Ao longo da vida, o sistema reparador antioxidante do nosso organismo vai-se degradando, levando ao aumento de espécies reativas de oxigénio e ao stresse oxidativo celular. Este é responsável pelo envelhecimento de todos os órgãos, especialmente aqueles com maior exposição ambiental (como a pele e o cabelo, que estão expostos à radiação UV) e com maior atividade de renovação celular, como o cabelo.

Que outras alterações surgem no cabelo com o envelhecimento?

O cabelo branco torna-se mais resistente à queda e, habitualmente, é mais áspero e menos manejável. Parece ser mais resistente às colorações dadas as alterações da sua fibra, mas é mais sensível à radiação ultravioleta (UV).

Veja na página seguinte: Os cuidados a ter com as radiações

Que tipo de cuidados é necessário ter com a radiação UV?

A presença de melanina protege o cabelo dos raios solares. A sua ausência nos cabelos brancos torna o cabelo mais sensível à radiação UV (RUV) provocando degradação da cor e da própria estrutura da queratina, com alteração da haste capilar, que fica mais áspera e baça. O efeito cumulativo da RUV leva ao aparecimento de lesões pré-malignas e eventuais cancros de pele nestas áreas. É fundamental reforçar a proteção solar com a procura da sombra, utilização de chapéu e/ou utilização de protetor solar com textura adequada.

Existe alguma forma de adiar o aparecimento dos cabelos brancos?

O aparecimento dos cabelos brancos pode ser influenciado por fatores extrínsecos como a radiação ultravioleta, o fumo do tabaco e a alimentação. O controlo destes fatores, ao reduzir a produção de radicais livres, poderá retardar um pouco, mas não impedir nem reverter o processo.

Que produtos aconselha para manter um cabelo branco saudável?

O cabelo deve ser lavado as vezes que forem necessárias com um champô suave.  Deve ser utilizada uma máscara em todas as lavagens, deixando atuar cinco a dez minutos. No fim, deve aplicar um sérum leave in para pontas secas, facilitando o penteado. Durante o verão, o finalizador poderá ter proteção UV.

Por vezes, o cabelo branco tende a amarelar. Como se pode evitar que isto aconteça?

A alteração da cor resulta da exposição à RUV e por vezes da utilização inadequada dos produtos de styling. Deve utilizar protetor solar, mas a utilização de chapéu será o ideal como prevenção.

Além dos produtos disponíveis, que outras formas existem para manter um cabelo branco bonito?

Pode recorrer à suplementação oral com aminoácidos sulfurados (cistina e metionina, por exemplo), que fazem parte da queratina, a principal proteína do cabelo. Deve tomar durante períodos de seis meses, particularmente entre a primavera e o outono onde tem particular interesse na otimização da qualidade da haste capilar.

Que outro tipo de cuidados é importante ter com o cabelo na terceira idade?

Além dos suplementos, o cabelo deve ser manipulado com cuidado, evitando pentear de forma agressiva, sobretudo se estiver molhado. O ideal será evitar aplicar temperaturas elevadas tanto com o secador como com a prancha. O cabelo deve ser cortado regularmente nas pontas para impedir que fique espigado e com pontas secas.

Para quem quer esconder os cabelos brancos, que tipo de coloração recomenda?

As colorações permanentes sem amoníaco, que são amplamente utilizadas hoje em dia, são as mais adequadas. Não têm contra-indicação exceto nos indivíduos alérgicos  à parafenilodiamina.  As raízes devem ser retocadas com intervalos de três a quatro semanas.  A tinta capilar também funciona como fotoprotetora.

Veja na página seguinte: O que fazer quando surgem os primeiros brancos

O que fazer quando surgem os primeiros brancos

Quem quer exibir os cabelos grisalhos deve ter muito cuidado para que não dê a ideia que deixou de se preocupar com o cabelo. «Pode ir fazendo pontualmente madeixas muito claras para ir chegando ao tom natural do cabelo. Durante este processo, é importante pensar num corte de cabelo moderno, médio ou curto e com movimento», aconselha Maria Lourenço, hairstylist.

Para quem não quer camuflar os primeiros brancos, existe no mercado uma série de opções que ajudam. Maria Lourenço, hairstylist, aconselha:

- Opte por um estilo sem manutenção

«A coloração tom sobre tom sem amoníaco maquilha os brancos sem criar a obrigatoriedade de estar sempre a pintar o cabelo», refere a especialista.

- A cor ideal

«Os tons claros ajudam a disfarçar mais os brancos do que qualquer outra tonalidade. É por isso que a partir dos 40 todas as mulheres tendem a ficar loiras», realça Maria Lourenço.

- A solução SOS

«Os sprays de cor são úteis em situações pontuais, em que se procura uma forma instantânea de disfarçar os primeiros brancos que começam a surgir», acrescenta a cabeleireira.

- Tom natural

Para evitar um aspeto artificial, «deve escolher o tom mais próximo possível da cor da sobrancelha», sugere a hairstylist.