Se eu mandasse em Portugal…

O país está em crise e as crianças não são alheias ao facto

Crise, crise, crise…é uma palavra que já entrou no dicionário das nossas crianças e muitas já vão conhecendo no dia a dia o seu significado da forma mais cruel. Fomos à rua perguntar o que elas fariam se mandassem em Portugal, pois dentro da sua inocência, podemos encontrar humor, graciosidade, mas muita verdade.

João, 9 anos

Se eu mandasse em Portugal… comprava uma loja grande de brinquedos para pôr todos os adultos lá dentro a brincar com lego. E com jogos playstation, com puzzles para ficarem entretidos e não cortarem o salário aos meus pais que já não me podem comprar quase nada.

Ana, 5 anos

Se eu mandasse em Portugal…fugia. Não queria mandar!

Tatiana, 12 anos

Eu fazia uma sala gigante só para mim com as minhas amigas. Viajava muito. Fazia muitas compras. Tudo o que estava na moda eu tinha, sim, porque quem manda no país nunca está em crise. Anda em grandes carros e aparece sempre na televisão.

Pedro, 13 anos

Se eu mandasse no país, punha esta gente toda – os políticos –a trabalhar as mesmas horas que os meus pais fazem todos os dias que chegam a casa estoirados e mal dá para os meus livros. Não é justo. Estão sempre de gravatinha e de mercedes a falar blá blá blá e não acontece nada.

Carla, 7 anos

Eu acho que todos devíamos mandar no país um bocadinho. A mamã, o papá, o tio João que é muito inteligente e até o meu irmão que acabou de nascer. Assim havia aquela coisa, como se chama…? Isso, democracia!

Sofia, 10 anos

Punha mulheres a mandar. Acho que elas são mais espertas. Vestem-se melhor e são mais bonitas do que os homens que têm cara feia e não se pintam. Luana, 6 anos Se eu mandasse no país, não fechava a loja do meu avô. Coitadinho. Agora está sempre em casa triste e já não tem o que fazer. Pelo menos vai buscar-me à escola todos os dias…

Guilherme, 6 anos

Eu vou mesmo ser presidente de Portugal. É o que eu quero ser quando for grande. Não vou mudar de ideias, porque o meu pai diz-me sempre que eu gosto de mandar nos outros e tenho jeito.

Adelaide, 8 anos

Eu punha os políticos todos a andar na escola outra vez. Os meus pais estão sempre a dizer que parece que eles não tiraram a 4ª classe. Acho que deviam tirar. Aprende-se muito….

Bruno, 13 anos

Não quero mandar neste país. Não há dinheiro para fazer nada. Vivia triste todos os dias só de pensar que estaria a despedir pessoas e a cortar os salários. Prefiro mandar na China ou nos Estados Unidos…não podem mudar a perguntar?

artigo do parceiro: Nilza Rodrigues

Comentários