Feiras em 2ª mão

Guia de feiras e mercados onde pode vender o que tem a mais

Percorrer as feiras de Lisboa - coloridas, barulhentas e cheias de viva - pode ser um outro modo de conhecer a cidade e as pessoas que ali se cruzam… Se está à procura  de vender o que tem a mais na sua casa, então esta é a sua oportunidade! Até porque a afluência a este tipo de feiras e mercados tem vindo a crescer imenso nos últimos anos. Prepare-se para pagar uma inscrição em qualquer uma das feiras e veja qual a mais indicada para si, visto que algumas só vendem antiguidades, roupa, ou produtos e alimentos biológicos e algumas vendem um pouco de tudo:

- A Feira da Ladra deve ser a feira mais conhecida e concorrida de Lisboa, todas as terças-feiras e sábados o Campo de Santa Clara enche-se de tendas, bancas e panos espalhados no chão onde pode vender  os produtos mais improváveis que lhe passem pela cabeça. Esta é uma boa feira para quem queira desfazer-se de diferentes coisas. O melhor dia para vender é ao sábado, mas veja sempre se vai estar bom tempo.

Onde: Campo de Santa Clara, S. Vicente de Fora 

Quando: Todas as terças e sábados.

Preço da inscrição: Entre 4 e 16€.

- A Feira das Almas já tem um conceito diferente de mercado e pretende mostrar projetos e ideias em ascensão dando ao público a oportunidade de conhecer novos trabalhos de artesanato, design de moda, joalharia, DIY, ilustração, e ainda encontrar peças únicas junto dos colecionadores e vendedores de vintage/segunda mão. Para ser vendedor nesta feira têm que ser aceite por uma seleção cuidada e orientada para os objetivos originais da feira. O ambiente da feira é fantástico e está sempre cheia.

Onde: Regueirão dos Anjos 70.

Quando: Uma vez por mês.

- O Lx Market, propõe a cada semana, um domingo entre relíquias, artigos vintage e 2º mão, produtos naturais e criações originais. O espaço é entre os velhos mas ainda imponentes edifícios do Lx Factory onde consegue encontrar imensas lojas de roupa, bijuteria, decoração, livraria, esplanadas e restaurantes.

Onde: Lx Fctory, Alcântara

Quando: Todos os domingos.

Preço da inscrição: Entre 20 e 30€.

- A Feira dos Produtos de Agricultura Biológica realiza-se todos os sábados, no Príncipe Real, onde se vende apenas e exclusivamente produtos alimentares procedentes da agricultura biológica. Para além das habituais frutas e hortaliças frescas, aqui encontra cereais, azeite, pão, vinho, etc., produzidos de acordo com os critérios da agricultura biológica.

Onde: Jardim do Príncipe Real

Quando: Todos os sábados.

- Na Feira da Avenida da Liberdade pode vender peças de artesanato, antiguidades, objetos originais, livros e diversas obras de design. Costuma ser muito frequentada, especialmente por turistas.

Onde: Avenida da Liberdade

Quando: Sábados e domingos do segundo fim-de-semana do mês.

- A Feira da Vandoma é, de entre as feiras temáticas que se realizam no Porto, a mais conhecida e mais característica. Destina-se exclusivamente à vendas de objetos em segunda mão, designadamente roupas, louças, mobiliário e artigos decorativos, discos, livros, entre outros.

Onde: Fontainhas, Freguesia da Sé, Porto.

Quando: Todos os sábados.

 - Na Feira de Antiguidades, Velharias e Artesanato de Belém pode vender livros, relógios antigos, sinos, estátuas, selos, moedas antigas ou cartões postais à beira Tejo. Geralmente é bastante concorrida.

Onde: Jardim Vasco da Gama, Belém

Quando: Primeiro e terceiro domingo de cada mês.

- Na Feira do Relógio, pode vender variadíssimas. Há bancas com fruta, legumes, queijos, carnes, bacalhau e vinhos; tendas com roupa, quinquilharia, tapeçarias, candeeiros e mobiliário; se tiver roulottes até pode confeccionar e vender pães e bolos, farturas e couratos, gelados, pipocas e algodão doce.

Onde: Avenida Santo Condestável, Marvila.
Quando: sábados, das 7 às 14 horas.

- A Feira de Algés destina-se a pessoas que pretendem vender velharias. O ponto forte são os candeeiros e os lustres. Há igualmente outras peças e objetos de antiguidades. Pode também vender livros, apesar de ser uma feira conhecida pelas velharias.
Onde: Jardim Municipal de Algés.
Quando: Quarto domingo de cada mês.

artigo do parceiro:

Comentários