Camiões do lixo que divulgam cultura. É assim na Maia

A Maiambiente decidiu dar uma utilização adicional aos seus camiões do lixo: transforma-los em veículos de cultura, ao mesmo tempo que recolhem os resíduos urbanos do concelho da Maia.

O projeto "C-Mobile: Cultura em Movimento" é pioneiro em Portugal e tem como objetivo promover e disponibilizar o acesso universal à arte, nas suas diferentes formas de expressão, e divulgar novos artistas.

O desafio da decoração dos camiões foi lançado aos alunos da ESAD – Escola Superior de Artes e Design (Matosinhos) e o resultado já circula pelas ruas do concelho.

Os oito camiões decorados foram apresentados, em abril, na Praça do Município da Maia. Momento que contou com a presença de António Silva Tiago, presidente da Maiambiente e vice-presidente da Câmara Municipal da Maia e José Simões, diretor da ESAD. Na cerimónia foi ainda assinado um protocolo de colaboração entre as entidades e entregues os diplomas aos alunos participantes.

De forma a responder ao desafio lançado pela Maiambiente, a ESAD criou o “Atelier Maia – Cidade Sustentável”, com o objetivo de criar propostas de animação gráfica para oito camiões de recolha de lixo.

Oito alunos com a coordenação de um professor apresentaram projetos atrativos e com visões inovadoras e sustentáveis: uma nova vida para os resíduos, a importância do património natural, a experiência dos mais velhos para um estilo de vida saudável, a história de Tom Sawyer, o verde da floresta, a bicicleta como meio de transporte sustentável e a regra dos 3 Rs (Reduzir, Reutilizar e Reciclar).

artigo do parceiro: Nuno Noronha

Comentários