6 tradições de Natal insólitas e surpreendentes

Por cá, há quem assista à missa do galo e quem não consiga esperar até à meia noite para abrir os presentes mas, lá fora, existem hábitos e comportamentos deveras originais

É uma das quadras do ano com maior tradição. Um pouco por todo o mundo, não faltam pormenores que distinguem o modo como as diferentes culturas celebram o nascimento de Jesus Cristo ou, nalguns casos, o consumismo típico de uma época de luzes, decorações, árvores enfeitadas, doces especiais, presentes, convívio familiar e muito mais. Descubra tradições de Natal insólitas e surpreendentes, muitas delas completamente originais.

1. Tréguas natalícias

Sabia que em França é tradição fazer as pazes com o inimigo no dia de Natal? Em terras gaulesas, este período festivo é sinónimo de perdão e de compreensão. Por isso mesmo, no dia 25 de dezembro os franceses cultivam a tradição da reconciliação nesta quadra natalícia e visitam a casa de um velho inimigo, familiar ou amigo, para fazerem as pazes. A reconciliação é, então, brindada com vinho e, muitas vezes, acompanhada com crepes. Esta é apenas uma das tradições natalícias compiladas pela HomeAway, líder mundial no arrendamento de alojamentos para férias online. Porque há mais!

2. Ir à missa de patins

Sabia que na Venezuela, na semana que antecede o Natal, é costume ir à missa de patins? Entre os dias 16 e 24 de dezembro, muitos venezuelanos têm o hábito de ir à primeira missa do dia, tradicionalmente apelidada de Missa de Agrinalda. Principalmente em Caracas, é comum as crianças e adolescentes deslocarem-se de patins, pelo que as ruas costumam estar fechadas ao trânsito até às oito horas da manhã, para facilitar os acessos às igrejas. Para manter a tradição, há muitos pais que não têm dúvidas num dos presentes que hão de oferecer aos filhos… Um par de patins!

3. Natal sem vassouras

Sabia que na Noruega escondem-se as vassouras na noite de Natal? Os noruegueses acreditam que, durante a noite de Consoada, as bruxas e os espíritos endiabrados andas nas ruas a festejar e que, em jeito de brincadeira, roubariam as vassouras para voarem nelas. Na típica região dos Fiordes, onde a HomeAway também tem alojamentos para arrendar, este utensílio doméstico é guardado a sete chaves, só saindo do armário quando alguém deixa cair algo para o chão para o limpar.

4. Pickles na árvore de Natal

Sabia que na Alemanha colocam um pickle na decoração da árvore de Natal? No país da cerveja e das salsichas é costume os pais acabarem de decorar a árvore na véspera da grande noite e o último elemento decorativo a ser colocado é um pickle, que deve ser de vidro, segundo a tradição. A parte engraçada é que este deve ficar disfarçado no meio das outras decorações. No dia seguinte, a criança que encontrar o pickle é a primeira a abrir as prendas e tem direito a mais um presente.

5. Natal na sauna

Sabia que na Finlândia a população frequenta saunas na véspera de Natal? Devido ao frio que se faz sentir, os banhos quentes de vapor ocupam uma posição incontestável no dia a dia dos finlandeses, sendo simultaneamente a palavra da língua finlandesa mais conhecida no mundo. Não é por isso de estranhar que seja tradição frequentar saunas na véspera de Natal. Enquanto que uns recorrem a uma bebida quente para aquecer as mãos, há quem prefira aquecer logo o corpo todo, enquanto pensa nas prendas que estará prestes a receber.

6. Mascotes natalícias

Sabia que em muitos países europeus é comum mascarar as mascotes com acessórios natalícios? A tentativa de transformar cães e gatos em renas do Pai Natal acaba por gerar momentos muito divertidos em família, que muitos donos acabam por imortalizar em registos fotográficos que acabam por correr mundo através das redes sociais. Os animais, esses, é que nem sempre acham muita piada mas, sem outra alternativa, lá acabam por ter de ceder… Nem que seja à força!

6 tradições de Natal insólitas e surpreendentes

artigo do parceiro:

Comentários