34º Portugal Fashion reabriu a passerelle no Edifício da Alfândega do Porto

Júlio Torcato, Luís Buchinho e Anabela Baldaque apresentaram as suas propostas para a estação fria

Depois dos desfiles em Lisboa, o 34º Portugal Fashion reabriu hoje a passerelle no Edifício da Alfândega do Porto para apresentar as coleções para a estação outono/inverno 14/15 de alguns dos melhores criadores nacionais, jovens designers, marcas de vestuário e calçado.
Para esta reabertura foram convocados nomes grandes da moda portuguesa. Júlio Torcato, Luís Buchinho e Anabela Baldaque apresentaram as suas propostas para a estação fria, bem como Daniela Barros e Hugo Costa. Os criadores emergentes também tiveram espaço neste primeiro dia da edição no Porto.

Júlio Torcato foi o primeiro designer a desfilar as suas criações e apresentou uma coleção inspirada nos uniformes retro e no luxo aristocrático decadente, construído num conceito "Tailoring urbano". Uma coleção com materiais quentes mas delicados como as lãs puras e lavadas, brocados de seda caxemira, algodão e poliamoda em tons de castanho, preto, verde-escuro, marinho e azul royal.

Luís Buchinho foi o designer que se seguiu e sob o tema "Untitled", uma viagem de ilusões pelo universo do pintor e fotógrafo George Rouss. Mantendo-se fiel ao seu ADN, apresentou uma mulher de carácter forte e afirmativo. Uma verdadeira construção arquitetural, onde os materiais se entrelaçam com as cores formando várias peças dentro de uma só. A paleta de expressão modernista tem por base o preto e branco, sobreposta por rosa mesclado e tons de blush, contrastando com rosas vivos.

Pela plataforma Bloom foi a vez Daniela Barros e Hugo Costa apresentarem as suas coleções. Daniela, apresentou "Dalka", uma silhueta forte e austera, onde a geometria e cortes se misturam com uma rigidez que faz recordar a química e a conexão entre os seus elementos. Os casacos estruturados e de grandes dimensões foram as peças chave da sua coleção. Já Hugo Costa inspirou-se no "Bushido", o código de conduta e modo de vida dos samurais. Um conceito que define a sua postura perante a vida e a morte, a sua relação com o ser interior e a natureza que os rodeia e envolve.

O dia terminou com Anabela Baldaque que apresentou uma coleção que desafia quem olha, quem veste, quem interpreta e cria histórias. "4 Horas Antes" foi o tema que designer escolheu para a sua coleção outono/inverno 14/15. Uma coleção rica em texturas, boucles, fazendas grossas, pontos jacquard, pelos longos, efeitos de prensada, mousselines, sedas e telas tecidas à mão. A silhueta ampla e estruturada permite movimentos de liberdade para novas interpretações da realidade.

Hoje a Alfândega do Porto recebe as seguintes coleções:

18:30 Susana Bettencourt | Estelita Mendonça
19:00 Bloom: Carla Pontes
19:30 Katty Xiomara
21:30 Diogo Miranda
22:00 Bloom: Mafalda Fonseca
22:30 TM Collection by Teresa Martins
23:00 Bloom: Carlos Couto
23:30 Fátima Lopes

Veja ainda o dossier com todos os desfiles aqui.

27 de março 2014

artigo do parceiro:

Comentários