25 anos da Associação das Aldeias de Crianças S.O.S.

Rigoberta Menchu junta-se às comemorações
Os 25 anos da Associação das Aldeias de Crianças S.O.S. foram celebrados de uma forma muito especial do Panamá.

Rigoberta Menchu, candidata presidencial guatemalteca e Nobel da Paz, fez questão de se juntar às comemorações na Cidade do Panamá, onde apresentou também o seu novo livro "Las mujeres y sus vidas" (As Mulheres e as Suas Vidas).

Indígena guatemalteca, membro da tribo Quiché-Maya., Rigoberta Menchu é Embaixadora da Boa Vontade da Unesco, tendo sido laureada com o Prémio Nobel da Paz, em 1992, pelo seu empenho na luta pela justiça social e reconciliação etno-cultural, baseada no respeito dos direitos dos povos indígenas.
A atribuição do Prémio coincidiu com as comemorações do V Centenário da chegada de Cristovão Colombo à América e com a declaração do Ano Internacional dos Povos Índios, em 1993.

Com uma vida marcada pela violência e abusos, durante o regime militar guatemalteca, Menchu foi forçada ao exílio em 1981 e tem participado em inúmeros protestos anti-violência. O seu activismo pelos Direitos Humanos é reconhecido mundialmente e valeu-lhe ainda o Prémio Príncipe das Astúrias de Cooperação Internacional.

Foto: Lusa/EPA/Alejandro Bolivar

Links de Interesse:

Fundação Rigoberta Menchu

Biografia de Rigoberta Menchu

Associação das Aldeias de Crianças S.O.S.

Comentários