11 apps que acabam com a vida do seu telemóvel

Será que as aplicações móveis que mais usa são as que consomem mais bateria? Um estudo internacional aponta as que deve usar com mais moderação.

Decerto não será a primeira pessoa nem a última a quem já aconteceu chegar ao final de uma noite e ficar sem bateria porque passou demasiado tempo a publicar imagens nas redes sociais ou a dar uma espreitadela no perfil do novo amor do seu antigo. O pânico instala-se quando de repente os 70% de bateria que tinha antes de sair de casa às 22h00 se tornam rapidamente, às 05h00 da manhã seguinte, com os seus pés exaustos de tanto dançar, no maravilhoso 1%.

Descobre subitamente que, para além de não conseguir chamar um táxi ou um motorista da Uber, não se recorda de nenhum contacto telefónico do amigo ou familiar que o possa socorrer desta maldição. Pode culpar a qualidade do telemóvel, o facto de se ter esquecido de baixar a luminosidade do ecrã e/ou a sessão fotográfica que decidiu fazer à medida que as horas foram passando, mas a realidade é que as verdadeiras responsáveis, são nada mais, nada menos que as aplicações que utiliza.

Após um estudo divulgado pelo site Metro.co.uk, chegou-se à lista das 10 aplicações móveis que consomem mais bateria no seu telemóvel. Nós acrescentamos mais uma, a do jogo Pókémon Go, porque na altura em que a pesquisa que suporta este top foi realizada, entre janeiro e abril de 2016, o jogo ainda não tinha sido lançado.

Por isso, se gosta de caçar pokémons enquanto se diverte, não se deixe enganar, uma vez que esta app consome mais bateria do que à partida poderá julgar. Veja abaixo a lista das 11 aplicações móveis que mais deve evitar para não ficar apeado nos momentos em que mais pode precisar.

Texto: Mafalda Baudouin com Luis Batista Gonçalves (edição)

artigo do parceiro:

Comentários