O que as pessoas mais querem é ser felizes (também) no trabalho

O novo estudo «Workplace powered by Human Experience», da consultora imobiliária JLL, afirma que a felicidade no local de trabalho é o ingrediente mais importante para 70% dos colaboradores.

No trabalho, tal como na vida, o que as pessoas mais querem é ser felizes. A garantia é dada por um novo estudo, «Workplace powered by Human Experience», realizado pela consultora imobiliária JLL, tornado público a 30 de agosto de 2017. De acordo com a pesquisa, a felicidade no local de trabalho é o ingrediente mais importante para 70% dos colaboradores das empresas de todo o mundo.

Perceber como é que as pessoas se relacionam com uma organização tem impacto nas decisões imobiliárias e no desenho do escritório do futuro foi o objetivo da análise. «Estas transformações na forma como as pessoas experienciam e vivem o seu local de trabalho são cruciais para a competitividade e produtividade das empresas», justifica Pedro Lancastre, diretor executivo da JLL Portugal.

«O espaço físico, o imóvel propriamente dito, é o local onde toda esta experiência começa e, por isso, as empresas já não podem preocupar-se apenas em disponibilizar um escritório confortável para trabalhar. É preciso que as estratégias imobiliárias se foquem em criar espaços que permitam às pessoas atingir as suas ambições e, como mostra o estudo, a sentirem-se felizes», defende o especialista.

Texto: Luis Batista Gonçalves

artigo do parceiro:

Comentários