Gosta de escrever?

Conheça algumas dicas que o podem ajudar a evoluir nesta atividade ou a motivá-lo a começar, caso tenha gosto mas não saiba bem como dar os primeiros passos.

Para começar a escrever o que quer que seja, em primeiro lugar, é preciso ter uma história, ou uma inspiração, uma temática ou um fio condutor do que se pretende contar. Por vezes há pessoas que querem começar a escrever apenas como uma forma de auto ajuda no sentido de conseguirem desabafar ou organizar ideias com mais clareza.

Se estiver a começar a escrever do zero absoluto não comece por escrever um livro. Um livro exige uma estrutura muito mais complexa, por isso comece por escrever alguns textos, sejam eles interligados ou não. Para treinar, comece por escrever algo pequeno, como uma redação pequena que pode ter apenas um parágrafo. Então e depois disto? Simples. Expanda o seu parágrafo. Coloque mais detalhes na história, pois é deste forma que a sua história acaba por crescer, por ganhar vida e detalhes. Quando a sua história estiver pronta, é preciso lapidar o material bruto. Comece por eliminar os erros de gramática e ortografia. Depois, parta para uma revisão mais precisa. Aquela frase ficou mesmo bem construída daquela forma? Há características nos seus personagens a mudar? Também é o momento de identificar ideias confusas e aprimorar as que já estão boas. Leia em voz alta para ver se o tom da narrativa está bom. Após escrever, procure se distanciar por algum tempo antes de começar a editar, para ver com mais clareza as ideias repetidas. Um computador ajuda sempre a rever os erros e imprecisões. Isto claro, no caso de pensar em escrever uma história ou um livro.

Mas há quem comece por escrever apenas como uma forma de desabafar. Porque por vezes a escrita consegue um trabalho muito mais profundo do que uma conversa com um amigo. Desde uma perspectiva psicológica, falar e escrever são duas coisas muito diferentes. Falar, às vezes, é uma atividade pouco estruturada, desorganizada, inclusive caótica se não conseguirmos organizar os nossos pensamentos e os sentimentos com o que desejamos expressar. Pelo contrário, escrever anima à criação de um argumento e uma estrutura que ajuda a dar sentido ao fato e nos dirige a uma solução. Em resumo, falar pode acrescentar confusão, enquanto escrever proporciona um enfoque mais sistemático, mais centrado na solução.

Veja agora algumas dicas para começar a escrever:

1 - Tenha um diário seu, seja em formato de papel ou digital ou pode criar um blog, seja ele anónimo ou não, onde escreva um pouco todos os dias.

2 - Seja um bom ouvinte, pois as histórias que ouve dos outros podem ser uma boa temática inicial para si.

3 - Observe os acontecimentos ao seu redor, seja no supermercado, no trânsito, onde for... tudo o que o rodeia no dia a dia pode ser interessante para começar a contar uma história.

4 - Leia muito, pois dessa forma irá aprender formas de escrita mais interessantes, ideias para explorar e formas de encadeamento surpreendentes.

Inspire-se e deixe a sua mente falar através dos seus dedos.

Veja ainda: 20 profissões para dar asas à sua criatividade

artigo do parceiro:

Comentários